O guia técnico completo para arquitetura esportiva com normas de projeto, diretrizes para dimensionamento, exemplos no formato DWG e modelos 3D BIM para baixar: projeto de quadra de tênis e vestiário para instalações esportivas

Uma instalação esportiva e recreativa é um lugar onde praticar esportes, interagir e socializar, melhorando o bem-estar físico e psicológico. Cada tipo de instalação possui superfícies específicas dedicadas aos vários esportes, integradas por áreas comuns e vestiário.

No nosso artigo anterior sobre arquitetura esportiva vimos como projetar, utilizando um programa de arquitetura BIM, alguns dos tipos mais comuns de instalações esportivas: quadra de futsal e quadra de basquetebol.

Vamos agora conhecer outro tipo muito conhecido de instalação esportiva: a quadra de tênis.

Além da quadra de tênis, iremos falar de como projetar, graças a um programa de arquitetura BIM, um ambiente fundamental para qualquer tipo de instalação esportiva: o vestiário.

  • Guia completo para projetar uma quadra de tênis

Este guia visa fornecer dicas úteis sobre como projetar uma quadra de tênis, focando em tipos de piso, gabarito total, medidas de quadra e normas de referência. O guia é acompanhado por um exemplo prático completo de plantas e cortes no formato DWG, bem como pelo modelo 3D BIM da quadra projetada. Ambos documentos podem ser baixados imediatamente.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-vista-aérea-quadra de tênis_programa de arquitetura BIM-Edificius

Render de quadra de tênis

Baixe o modelo 3D BIM (arquivo .edf) do projeto de quadra de tênis

Baixe e teste grátis por 30 dias Edificius, o programa de arquitetura 3D BIM

Projeto de quadra de tênis, 8 diretrizes de projeto

Para um bom projeto de quadra de tênis, é necessário levar em conta uma série de parâmetros, alguns dos quais são relevantes apenas se o projeto estiver ligado a uma instalação esportiva:

  1. acessibilidade, ligações rodoviárias, presença de parques de estacionamento;
  2. possibilidade de realizar obras de expansão subsequentes (por exemplo, a realização de outras quadras ou outros tipos de instalações);
  3. saúde ambiental, tranquilidade, presença de vegetação;
  4. ausência de fortes ventos dominantes;
  5. ausência de vínculos de qualquer tipo, também em relação à cobertura das quadras, com soluções temporárias e permanentes;
  6. possibilidade de orientar corretamente as quadras de acordo com o eixo hélio térmico norte-sul;
  7. morfologia ambiental, nivelamento da superfície do solo;
  8. presença de conexões com as redes de instalação técnica, hidráulica, elétrica, etc.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário_Corte-B-B_programa de arquitetura BIM-Edificius

O solo deve possuir características morfológicas, orográficas e geológicas adequadas. Além disso, deve ser suficientemente plano, ter boa estabilidade e não apresentar aquíferos superficiais.

No caso de solos não perfeitamente nivelados, é responsabilidade do projetista definir local da quadra e serviços de forma a minimizar os movimentos do solo e as relacionadas obras de contenção e arranjo externo.

A quadra deve ser orientada de forma a evitar ou limitar o fenômeno de ofuscamento. Na medida do possível, portanto, é recomendável que o sol mantenha uma posição lateral em relação ao eixo principal da quadra.

Eventuais arquibancadas para o público devem ser colocadas nas extremidades do campo, com prioridade para os lados longos.

A possível presença de edifícios ao redor não deve afetar a quadra com sombras que possam penalizar a visibilidade dos jogadores. No caso de vento dominante, é preciso utilizar barreiras de árvores e sebes.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário_Corte-A-A_programa de arquitetura BIM-Edificius

O contexto ambiental ideal para uma quadra de ténis é o natural: áreas verdes e a presença de plantas e sebes. A este respeito, é importante levar em conta alguns critérios de projeto:

  • a sombra das árvores pode causar pouca visibilidade para os jogadores em determinadas horas;
  • as árvores podem exigir limpeza frequente das quadras e causar falhas nos pisos da instalação esportiva;
  • as árvores altas devem ser mantidas longe das quadras, pois as raízes poderiam comprometer o nivelamento do fundo;
  • para quadras de tênis com superfície de grama, é necessário prever sistemas de irrigação e coleta de águas residuais;
  • pode ser importante utilizar sebes de separação ao longo da cerca da quadra para favorecer um melhor isolamento acústico.

Para evitar que a vegetação se espalhe para o campo de jogo, é aconselhável isolá-la do solo, criando um meio-fio perimetral de concreto. O meio-fio deve possuir pelo menos 30 cm de largura e 80 cm de profundidade.

Dimensões e características da quadra de tênis referem-se a normas de referência.

Normas internacionais de referência

Projeto de quadra de tênis, as medidas

Gabarito geral da quadra

Come Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-rede-quadra de tênis_programa de arquitetura BIM-Edificius

  • Lado menor do campo de jogo individual 8,23 m / duplo 10,97 m
  • Lado maior do campo de jogo 23,77 m
  • Lado menor do campo de jogo incluindo as bordas de 17,07 m até 20,11 m
  • Lado maior do campo de jogo incluindo as bordas de 34,77 m até 40,23 m

Medidas de referência de campo de jogo e bordas

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário_PLANTA_programa de arquitetura BIM-Edificius

 

  • Dimensão quadra «A» 8,23 x 5,485 m
  • Dimensão quadra «B» 1,37 x 11,885 m
  • Dimensão quadra «C» 4,115 x 6,40 m
  • Dimensão bordas lado menor de 3,05 m até 4,57 m
  • Dimensão bordas lado maior de 5,50 m até 8,23 m
  • Distância entre rede e cadeira de árbitro 1,20 m
  • Lado menor do campo de jogo individual 10,058 m / duplo 12.798 m

Dimensão de linhas

As linhas são largas de 2,5 até 5 cm, com exceção daquelas de fundo que podem ter até 10 cm de largura. A linha central de serviço, pelo contrário, deve ter 5 cm de largura e 10 cm de comprimento.

Dimensão de rede e postes

A rede de separação é alta 0,914 m no centro e 1,07 m nos postes. Estes últimos devem estar localizados a 0,91 m fora da quadra. Em particular:

  • Largura rede lado individual 10,058 m
  • Largura rede lado duplo 12,798 m
  • Altura rede nos lados 1,07 m
  • Altura rede no centro 0,91 m
  • Malha da rede (cânhamo ou nylon) 4,4 x 4,4 cm
  • Altura faixa branca superior de 5 até 6,3 cm
  • Poste circular Ø 7,5 cm
  • Poste retangular 10 x 10 cm

Projeto de quadra de tênis, escolha do tipo de piso

 

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-detalhe-linhas-quadra de tênis_programa de arquitetura BIM-Edificius

Os materiais utilizados para realizar as superfícies das quadras de tênis são:

  • Terra vermelha – esta superfície, em que a bola salta lentamente, requer muita manutenção.
  • Cimento – o piso de cimento é utilizado especialmente nas quadras pequenas e nos ginásios municipais ou escolares, pois exige baixos custos e pouca manutenção.
  • Sintético – para pisos sintéticos, geralmente é usado poliuretano enriquecido com grânulos de borracha. A superfície sintética, muito elástica e resistente, não exige manutenção contínua.
  • Grama – a superfície de grama fica numa camada de terra. Não é um tipo muito difundido, pois requer uma manutenção constante e cara.

Quadras de tênis

Projeto de quadra de tênis

As alturas mínimas

Outro aspecto a ser levado em conta são as alturas livres mínimas, para competições nacionais/internacionais:

  • 9 – 10 m no centro da rede
  • 7 – 7,5 m acima das linhas laterais
  • 4 – 5 m acima dos ângulos da quadra
  • de 2/2,5 até 4,5 m da linha de fundo.

Dentro da quadra deve ser garantida uma temperatura do ar mínima de 10-15°C, com umidade não superior a 60-70% e a velocidade do ar mantida entre 0,15 – 0,20 m/s.

A superfície da quadra deve possuir cor escura: geralmente preferem-se as cores verde e azul, não reflexivas, com um coeficiente de reflexão entre 0,25 e 0,40, inferior ao das paredes.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-cerca-quadra de tênis_programa de arquitetura BIM-Edificius

Tipos de cobertura

É possível distinguir entre os seguintes sistemas:

  • móveis, totalmente ou parcialmente: coberturas pressostáticas e tenso-estáticas;
  • permanentes, realizadas com vários materiais: madeira laminada, aço, concreto armado.

Projeto de quadra de tênis, iluminação

 

Para o projeto de iluminação de qualquer instalação esportiva a nível internacional, as normas de referência são as Normas Europeias EN 12193 emitidas pelo CEN.

Os fatores a serem levados em conta, quer para instalações ao ar livre quer para instalações internas, são:

  • nível de iluminação no campo de jogo, de acordo com o tipo de atividade (competitiva, amadora, etc.);
  • uniformidade de iluminação no campo de jogo;
  • limitação do ofuscamento.

Biblioteca de objetos BIM

Biblioteca Objetos BIM ACCA software_quadra de tênis

Plantas e cortes no formato DWG e modelo 3D BIM no formato EDF do projeto de quadra de tênis

 

Aqui estão disponíveis para o download alguns documentos gráficos e o modelo 3D do projeto de quadra de tênis.

Baixe e teste grátis por 30 dias Edificius, o programa de arquitetura 3D BIM

Baixe o modelo 3D BIM (arquivo .edf) do projeto de quadra de tênis

Baixe os arquivos DWG no formato .zip de planimetria e cortes do projeto de quadra de tênis

 

  • Projeto de vestiário para instalações esportivas com esquemas funcionais e distributivos

O vestiário deve atender a específicos requisitos de norma para garantir segurança e higiene a todos os usuários da instalação esportiva: a distinção por gênero; a presença de armários e bancos onde colocar objetos pessoais; a presença de chuveiros e um sistema sanitário-sanitário adequado e funcional.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-vestiário_PLANTA_programa de arquitetura BIM-Edificius

Do nosso projeto disponibilizamos para o download os arquivos no formato dwg dos documentos técnicos, bem como o modelo 3D realizado com um programa de arquitetura 3D BIM.

Baixe e teste grátis por 30 dias Edificius, o programa de arquitetura 3D BIM

Baixe os modelos 3D BIM (arquivos .edf) do projeto de vestiário

9 dicas úteis sobre como projetar armários para instalações esportivas

 

O vestiário de instalações esportivas deve ser projetado de acordo com as diretrizes estabelecidas pelas normas oficiais. No entanto, as normas de referência podem variar dependendo do País.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-vestiário_programa de arquitetura BIM-Edificius

Vejamos 9 diretrizes comuns em muitos Países do mundo:

  1. os vestiários devem ser distintos por gênero, considerando um número igual de homens e mulheres.
  2. Os vestiários previstos sempre devem ser pelo menos dois.
  3. As dimensões do vestiário devem ser estabelecidas considerando a superfície por cada assento (não inferior a 1,60 m²), incluindo as áreas de passagem e o espaço de armários e eventuais cabides.
  4. O número de assentos a serem realizados para um vestiário deverá ser proporcionado ao número de usuários que utilizarão esse ambiente de forma simultânea, tendo em conta as várias atividades esportivas. Para uma capacidade superior a 40 assentos, é preferível criar vestiários mais pequenos.
  5. O vestiário deve ser utilizável por usuários deficientes, através de portas de acesso especiais com largura não inferior a 0,90 m. Corredores e áreas de passagem deverão permitir o trânsito, mesmo com cadeira de rodas.
  6. No vestiário também deve ser possível usar bancos de 0,80 m de comprimento, 0,50 m de profundidade e com um espaço lateral de 0,80 m destinado a cadeira de rodas.
  7. Todos os vestiários devem dispor de banheiros e chuveiros.
  8. Perto do vestiário, é preciso prever um bebedouro com água potável.
  9. O mobiliário do vestiário deve ser feito com materiais de qualidade, resistentes e funcionais, fáceis de limpar. O número de armários de metal não pode ser inferior ao número máximo de usuários na instalação esportiva. Os armários, ainda, devem ser feitos com materiais resistentes e fáceis de limpar.

Projeto de vestiário: ambientes e dimensões

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-vestiário_Esquema recursos_programa de arquitetura BIM-Edificius

O vestiário deve ter entradas distintas dos acessos às arquibancadas. Além disso, os percursos de conexão com área externa e com área de atividade esportiva devem ser delimitados e separados da área destinada ao público.

Um vestiário é constituído, geralmente, por 3 ambientes:

  • assentos
  • chuveiros
  • banheiros

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário_Corte-A-A_programa de arquitetura BIM-Edificius (2)

Superfície do ambiente para atividade esportiva | assentos

  • 250 m² | 20 assentos
  • mais de 250 m² até 450 m² | 30 assentos
  • mais de 450 m² até 1100 m² | 40 assentos
  • mais de 1100 m² | 60 assentos

O vestiário para instalações esportivas sempre deve ser projetado tendo em conta a acessibilidade para pessoas deficientes.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-vestiários_Corte-C-C_programa de arquitetura BIM-Edificius

Piso e revestimento

O piso de vestiário deve ser feito de material antiderrapante. Quanto às paredes, o revestimento deve ser realizado com materiais possivelmente tratados com resinas ou tintas, a fim de facilitar as operações de limpeza.

Mobiliário no vestiário de instalações esportivas

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-vestiário_programa de arquitetura BIM-Edificius (2)

Outro aspecto a ser levado em conta no projeto de vestiário para instalações esportivas é o mobiliário.

Os móveis fundamentais a serem incluídos em vestiários esportivos são os armários de metal e os bancos, escolhidos de modo a garantir o máximo nível de higiene, conforto e segurança.

Os armários para guardar roupa geralmente têm um tamanho mínimo de cerca de 30 x 50 x 90 cm (h). É aconselhável montá-los sobrepostos e levantados do chão por pelo menos 25 cm para facilitar a limpeza. Também é possível colocar cabides, feitos de ganchos e integrados nos bancos.

O número de bancadas deve ser igual ao de assentos, ou seja, cerca de 0,80 m de bancadas por cada assento.

Arquitetura esportiva projeto de quadra de tênis e vestiário-render-chuveiros-vestiário_programa de arquitetura BIM-Edificius

O número de secadores de cabelo, do tipo de parede, deve ser igual ao número de chuveiros. Os secadores de cabelo são geralmente colocados na área do vestiário, sempre respeitando as condições de funcionalidade e segurança.

DWG projeto de vestiário para instalações esportivas

Aqui estão, disponíveis para o download gratuito, todos os documentos técnicos (plantas, elevações, cortes) do nosso projeto de vestiário para instalações esportivas, acompanhado pelo relacionado modelo 3D.

Baixe e teste grátis por 30 dias Edificius, o programa de arquitetura 3D BIM

Baixe os modelos 3D BIM (arquivos .edf) do projeto de vestiário

Baixe os arquivos dwg no formato .zip dos documentos do projeto