Como fazer para desenhar e colocar os pontos de luz num ambiente? Como realizar a verificação do sistema de iluminação? Vamos descobrí-lo usando um software para o desenho arquitetônico BIM

Ao criar um ambiente, parte do desenho deve ser dedicado à luz.
O sistema de iluminação e a extensão dos pontos de luz são assuntos essenciais para que um espaço possa ser funcional do ponto de vista arquitetônico.

Portanto, é importante conhecer o projeto e o espaço que teremos que iluminar para definirmos o desenho dos pontos de luz. Desta forma, de acordo com as informações que obtivemos, do comitente também, conseguiremos iluminar de maneira apropriada todos os ambientes.

Desenhar a iluminação dos ambientes interiores

Desenhar a iluminação dos ambientes interiores

Descubramos como iluminar os vários espaços de maneira diferente de acordo com a utilização prevista.

Os pontos de luz em harmonia com o ambiente

Definir o desenho dos pontos de luz coerentemente ao ambiente é muito importante. A utilização prevista dos quartos, na verdade, permite-nos entender as necessidades de cada ambiente, os quais precisam de uma tipologia de iluminação específica.

Por exemplo, um espaço para trabalhar ou estudar deve dispor de uma iluminação com ponto de luz difundida, bem como de outra direta que ilumine apenas a superfície de trabalho.

Um espaço dedicado ao relaxamento, tais como a zona de dia, ao contrário precisa de mais luzes difundidas e ténues. Poderão ser usadas nesse sentido lâmpadas de parede que dirijam a luz para cima, difundindo-a gradualmente para o teto. 

Na cozinha, em vez, é melhor usar uma luz que ilumine toda a superfície de trabalho e outra central para a iluminação do ambiente

Também é preciso salientarmos a importância de outros assuntos para termos em conta durante a fase de desenho:

  • quanta luz será necessária nos vários ambientes: cozinha quarto, banheira, sala de estar, despensa, corredor, estúdio?
  • Há janelas que iluminem todo o quarto durante o dia ou alguns cantos ficam escuros durante as horas de luz natural?
  • Haveria pontos de luz suficientes se tivéssemos que mudar a colocação do mobiliário?

Uma sugestão é que se acompanhe muito estreitamente o posicionamento dos pontos de luz em fase de colocação. 

Posicionamento dos pontos de luz nos ambientes interiores

Posicionamento dos pontos de luz nos ambientes interiores

 

Graças ao desenho arquitetônico BIM é possível integrar no projeto os vários pontos de luz. Além disso, é possível avaliar as combinações do mobiliário possíveis e, portanto, validar as escolhas em tempo real com o cliente.

Inserir os pontos de luz num desenho arquitetônico BIM

Edificius, software BIM para o desenho arquitetônico, permite colocar e direcionar de forma rápida todos os pontos de luz nos vários ambientes de acordo com exigências específicas.

Cada solução poderá ser validada em tempo real graças à Renderização em Tempo Real. Essa tecnologia permite experimentar as várias tipologias de mobiliário graças à ampla livraria de objetos BIM. È possível, ainda, definir a orientação e a faixa horária a fim de avaliar a luminosidade de cada ambiente numa hora determinada.
Vejamos agora como inserir um ponto de luz num desenho arquitetônico BIM.

 

 

Vamos selecionar do menu arquitetônico de Edificius o objeto ponto de luz, para desenhar quer em planta quer em 3D. Escolhamos em seguida o tipo de ponto de luz que desejamos colocar.

Liguemos então o ponto de luz ao cursor utilizando os magnetos para fixá-lo.

Podemos enfim direcionar o ponto de luz para qualquer direção.

Graças às características do objeto, também é possível definirmos a cor da luz. Podemos intensificá-la, atenuá-la e escolher a tipologia da mesma. Para além disso, é possível criarmos classificações de acordo com exigências específicas.

Ativando a vista realística e aplicando os efeitos relativos às luzes e aos materiais, vamos definir uma hora noturna.

Em seguida, liguemos e desliguemos as luzes. Vamos realizar, enfim, a renderização com as luzes para avaliarmos melhor as escolhas feitas.

Desenha e verifica facilmente os pontos de luz de um ambiente com um software para arquitetura como Edificius