Da modelagem do terreno à inserção da vegetação, vamos ver como desenhar os espaços exteriores com um software BIM: vídeo de detalhe do desenho para a Gaegu Gosan Public Library

A vantagem do software BIM, em comparação com os velhos software de desenho arquitetônico, é sobretudo a de integrar em si muitas características e funções.

Por exemplo, num software como Edificius podem-se encontrar as funções ligadas à modelagem do terreno 3D ou, mais em geral, aos espaços exteriores. Temos então a possibilidade de integrar as características de um software para o desenho urbano e paisagístico.

Aqui está um exemplo ligado ao desenho da Daegu Gosan Public Library, feito pelo gabinete MARTIN FENLON ARCHITECTURE, e de como é possível trabalhar nos espaços exteriores com o software BIM Edificius.

Criação de um caminho com um software BIM

  • No ambiente terreno do Edificius, no nível desenho, importamos a planta em formato dwg usando o objeto “Desenho DXF/DWG” no menu “GRÁFICA 2D”. Utilizaremos a planta como traça do desenho.
  • Min 00:35 – O traçado do caminho é executado mediante o objeto “ESTRADA”. Na caixa de ferramentas das propriedades, que está à direita, definimos uma largura de 3,5 m e o alinhamento de traçado da estrada. Vamos então desenhar a estrada por pontos na planta dwg precedentemente importada. Obteremos uma linha a tracejado formada por traços lineares. Para os traços curvilíneos vamos transformar o traço linear em curvilíneo. É preciso clicar com o botão direito do mouse no traço e selecionar a opção “Muda para arco”.

Definição das elevações do caminho

  • Na vista 3D vamos definir a tendência altimétrica do caminho. Selecionamos cada ponto dos vários traços que constituem o caminho e atribuimos a cada um deles a respectiva elevação. A elevação pode ser atribuida clicando na existente, que aparece acima do ponto quando selecionado. Será preciso digitar no teclado a elevação real, editá-la na caixa de ferramentas das propriedades ou ligar manualmente o ponto à elevação desejada.

Modelagem do terreno com um software BIM

 

  • Depois de ter definido o caminho do ponto de vista planimétrico e altimétrico, vamos modelar o terreno adjacente. Adicionamos o penhasco usando a ferramenta “Adiciona penhasco” no menu. Definindo um offset do caminho igual a 1 m, o caminho será ligado ao terreno circundante.
  • Min 00:20 – Vamos modelar o penhasco para que esteja ligado ao terreno ao lado direito e à passedeira ao lado esquerdo. Selecionando a maçaneta (bolha) azul, é possível avançar na direção desejada sem restrições; pelo contrário, selecionando a maçaneta verde, é possível avançar apenas na direção vertical.
  • Vamos inserir pequenos lancis à beira da estrada usando a ferramenta “Sólido no Terreno”. Na caixa de ferramentas das propriedades, na rubrica perfil vamos escolher do catálogo uma forma rectangular de dimensão 160×50 mm. Vamos ativar a opção de geração automática do lancil selecionando a opção “Estrada Praça” (varinha mágica) e vamos gerá-lo clicando nos lados da estrada.

Inserção vegetação e definição materiais com um software BIM

  • Vamos completar a construção do caminho atribuindo os materiais e inserindo a vegetação ao longo do caminho, extraindo-os dos respectivos catálogos. Vamos executar estas operações na vista 3D para observarmos em tempo real as escolhas efetuadas na vista Real Time Rendering.

Eis o vídeo geral do trabalho realizado.

Clica aqui para teres mais informações e baixares Edificius, o software para o desenho arquitetônico BIM