A imagem mostra pessoas fazendo exercicio com a escrita Reabertura das academias

Reabertura das academias: o guia para adaptação dos espaços

Reabertura das academias: o guia técnico para adaptação dos espaços e contenção do risco COVID-19, com um projeto 3D a baixar

Você é técnico e precisa adequar os espaços para a reabertura das academias conforme as indicações contra o contágio?

Neste aprofundamento, vamos ilustrar tudo o que é preciso fazer para adaptar os espaços às novas medidas contra o COVID-19.

No específico, temos como referências as normas italianas explicando detalhadamente todas as medidas para a contenção do contágio. Também vamos dar algumas dicas para realizar seu projeto de adaptação de academias.

Aqui estão:

Para utilizar o arquivo 3D do projeto, baixe gratuitamente Edificius e siga todos os passos ilustrados abaixo.

Antes de começarmos, você já pode apreciar o resultado do nosso trabalho: um render realizado com Edificius, que mostra como adaptamos os espaços da nossa academia conforme as medidas para contenção do contágio.

A imagem mostra a sala de musculacao de uma academia dentro do programa Edificius

Reabertura das academias | Render realizado com Edificius

Baixe Edificius e nosso arquivo de projeto e tente você mesmo realizar um modelo parecido, ou até altere nosso projeto conforme necessidade para usá-lo em seu trabalho.

O guia para técnicos

Antes de tudo, recomendamos que baixe nosso arquivo do modelo BIM de uma academia, que vai lhe servir de ajuda na adaptação dos espaços conforme as normas anti-contágio.

Lembramos que, para abrir o modelo BIM, você pode baixar gratuitamente Edificius.

A imagem mostra o render da area de recepcao de uma academia dentro do programa Edificius

Reabertura das academias | Vista da área da recepção – Render Edificius

Como reorganizar os espaços para a reabertura das academias

As indicações que seguem dizem respeito às normas de referência italianas, que fornecem medidas detalhadas quanto à segurança contra o COVID-19.

Medidas de prevenção e contenção:

  • proporcionar informações adequadas sobre todas as medidas preventivas a serem adotadas, por meio de painéis e folhetos informativos. Além dos painéis padrão, você também pode utilizar novos tipos:  o cliente vai enquadrar o QR Code do painel com a câmera do smartphone e receberá vídeos ou informações detalhadas sobre os comportamentos de proteção e prevenção a serem adotados.
  • Elaborar um programa das atividades o mais planejado possível (por exemplo, com reserva) e regular o acesso para evitar aglomerações.
  • Medir a temperatura corporal, impedindo o acesso em caso de temperatura > 37.5 °C.
  • Organizar os espaços nos vestiários e nos chuveiros de modo a garantir distâncias de segurança: por exemplo, proporcionando estações alternativas ou separadas por barreiras, e também regulando o acesso a eles.
  • Reorganizar as estações: você pode repensar a distribuição dos equipamentos para garantir a distância de segurança entre os usuários.
  • Colocar pontos de higienização das mãos: coloque os dispensadores com gel desinfetante na entrada, nos vestiários e na sala de treinamento, para uso dos clientes e operadores. Os dispensers devem ter bicos que evitem o contato com a garrafa.
  • Organizar a área da caixa: o balcão e a recepção podem ser equipados com barreiras e os funcionários devem usar uma máscara e ter gel higienizante para as mãos.
  • Caminhos internos: dependendo do espaço, você pode prever um caminho obrigatório para os clientes, a fim de guiá-los às diferentes estações de trabalho ou aos banheiros.
  • Sistemas de troca de ar: verifique se a troca de ar correta é garantida em todos os ambientes através de ventilação natural e/ou artificial. Preveja a adaptação dos filtros dos sistemas de ar condicionado ou de recirculação do ar, para limitar os riscos de contágio.
  • No que diz respeito ao microclima, é essencial verificar as características de ventilação dos espaços e dos sistemas de ventilação, prever a manutenção das peças e se certificar da qualidade do ar nos espaços fechados.

Esquema planimétrico para adaptar a sala de musculação

A imagem seguinte mostra a planta da sala de musculação de uma academia onde foram já adotadas as medidas para contenção do risco de contágio por COVID-19.

Cabe realçar que:

  • podem ser utilizados ao mesmo tempo apenas os aparelhos, realçados em verde, que garantem distância interpessoal de 2 m;
  • são interditos os aparelhos que não cumprem essa distância, realçados em vermelho;
  • a distância mínima entre as estações em uso foi verificada;
  • foram adicionadas colunas, realçadas em amarelo, para a entrega de gel desinfetante;
  • foi traçado um caminho verde no chão para facilitar o distanciamento interpessoal.
A imagem mostra o esquema planimetrico para a adaptacao de uma sala de musculacao

Esquema planimétrico para a adaptação de uma sala de musculação

Caso de estudo: projeto para reabertura das academias

Agora, vamos ver um caso prático de adaptação de uma academia, que pode lhe servir como base para seu projeto.

A situação atual

A academia se desenvolve em um único corpo com três braços, que no plano é configurado na forma de C. A entrada principal fica em uma posição central em relação a todo o edifício. O volume é distribuído em um único nível, ao qual você tem acesso direto a partir do exterior, evitando barreiras arquitetônicas e obstáculos à usabilidade e praticabilidade de todos os espaços.

Todos os quartos têm vista para o pátio interno, graças às amplas janelas. A entrada abriga uma grande recepção, o jardim de inverno iluminado pela grande clarabóia e o escritório dos funcionários.

Da recepção, acessamos as duas principais áreas dedicadas às atividades esportivas: a sala de musculação e a sala para exercício aeróbico. As duas atividades são bem separadas umas das outras para garantir a privacidade para todos.

Os vestiários estão localizados entre a entrada e a área dedicada ao esporte, divididos por gênero e com acesso protegido às áreas comuns para evitar qualquer tipo de introspecção. Para cada vestiário, há 4 chuveiros, dois banheiros (um para pessoas com deficiência) e uma área equipada com armários, bancos e secadores de cabelo.

Resumindo, a academia consiste em:

  • entrada/recepção;
  • área de relaxamento;
  • vestiário com banheiros e chuveiros;
  • escritório com banheiro pessoal;
  • depósitos dos aparelhos;
  • 3 aulas de aeróbicos;
  • sauna;
  • jardim equipado.
A imagem mostra a planta da situacao atual para reabertura das academias

Reabertura das academias | Planta da situação atual

O projeto de adaptação das academias

O projeto que vamos apresentar cumpre as indicações para contenção do risco de contágio por COVID-19, bem como as linhas guia acima.

A imagem mostra a planta do projeto de adaptacao para reabertura das academias

Reabertura das academias | Planta do projeto de adaptação

Entrada/sala de espera

As duas portas existentes foram substituídas por portas de correr automáticas, a fim de evitar pegar nas maçanetas. À direita da entrada, colocamos um termómetro infravermelho para medição de temperatura, gel desinfetante, luvas descartáveis ​​e lixeira com pedal para resíduos.

A partir da área de entrada, começa o caminho para clientes e funcionários, destacado com uma faixa verde de 10 cm de largura, para orientar as pessoas e evitar filas e aglomerações nas várias salas e vestiários.

Mais uma vez, distribuímos dispensers com gel desinfetante, luvas descartáveis ​​e painéis informando sobre os protocolos de segurança a serem cumpridos dentro da academia nas áreas comuns e ao longo dos corredores.

Além disso, a área de espera até foi redesenhada com assentos que garantem a distância de segurança interpessoal.

A imagem mostra um render da area da entrada de uma academia realizado com Edificius

Reabertura das academias | Vista da área da entrada- Render Edificius

Vestiários e banheiros

Perto da porta de acesso aos vestiários, colocamos um dispenser com gel desinfetante, luvas descartáveis, painéis e armários em chapa esmaltada, para uma rápida e frequente higienização das superfícies e para armazenar os efeitos pessoais em sacolas de plástico.

Em todos os banheiros, substituímos os secadores por toalhas de papel, para reduzir as situações de contágio e a possibilidade de disseminação do vírus.

Nos vestiários, limitamos o uso de alguns chuveiros, lavatórios e bancos. Dispensers com gel desinfetante e luvas descartáveis ​​completam o equipamento de segurança. O uso da sauna, no entanto, foi temporariamente suspenso.

A imagem mostra um detalhe do render dos vestiarios de uma academia dentro do programa Edificius

Reabertura das academias | Vestiários

Sala de musculação

A ampla sala de musculação foi reorganizada conforme essas linhas guia:

  • instalar estações com gel desinfetante, luvas descartáveis ​​e painéis de segurança;
  • sinalizar um caminho no chão para facilitar o distanciamento interpessoal e evitar a interseção dos fluxos de pessoas;
  • verificar a distância mínima entre todas as estações;
  • utilizar ao mesmo tempo apenas as ferramentas que garantem a distância interpessoal de 2 m;
  • limitar o uso de ferramentas que não respeitem a distância interpessoal de 2 m (realçadas em vermelho).
A imagem mostra o render da sala de musculacao de uma academia dentro do software para projeto arquitetonico Edificius

Reabertura das academias | Vista da sala de musculação com os aparelhos- Render Edificius

Exercícios aeróbicos

Enfim, certificamo-nos que as salas destinadas aos exercícios aeróbicos estejam em segurança e garantam a distância interpessoal de 2 m entre os usuários.

Colocando círculos de 2 m de diâmetro, com espaçamento adicional, em fileiras escalonadas, individuamos o número de atletas que podem realizar atividade física intensa nas salas.

A imagem mostra uma sala com círculos para a verificacao do distanciamento interpessoal na reabertura das academias

Reabertura das academias | Verificação do distanciamento interpessoal – Render Edificius

Reabertura das academias – vídeo: Adaptar os espaços às medidas anti-contágio por COVID-19

Finalmente, o vídeo mostra todas as etapas necessárias para tornar uma academia compatível com as disposições anti-contágio por COVID-19, usando o Edificius, o software BIM para projeto arquitetônico.

Baixe gratuitamente todo o material que pode ajudá-lo em seu trabalho, em relação às medidas para mitigar o risco de contágio do COVID-19.

Arquivo do projeto

Projeto 3D realizado com Edificius

Slides

Confira os slides com as regras a cumprirem para reabertura das academias.

edificius
edificius