A imagem mostra a bandeira do Estado brasileiro de Minas Gerais com o titulo "BIM em Minas Gerais"

BIM Minas Gerais: confira o Decreto N° 48.146/2021

Grandes novidades no que diz respeito ao BIM em Minas Gerais graças a SEINFRA e DER-MG. Confira o Decreto N° 48.146/2021 e conheça o trabalho da ACCA no Estado

Minas Gerais é um dos estados brasileiros que, nos últimos anos, mais têm se destacado no trabalho de implementação do Building Information Modeling. Este artigo pretende celebrar a publicação do Decreto Nº 48.146/2021 no Diário Oficial de Minas Gerais (02/03/2021): um passo gigante, voltado justamente a regulamentar a disseminação do BIM no Estado.

Não adianta repetir os benefícios, tão conhecidos, que a metodologia BIM traz à indústria da construção em todo o mundo. Porém, se quiser saber mais, dê uma lida em alguns dos nossos aprofundamentos.

O Decreto 48.146/2021 vislumbra o BIM em MG até 2028

Bem como o Decreto 10.306/2020, também esse Decreto estadual resolveu proceder de forma bem gradual e planejada, estabelecendo várias fases de trabalho.

De forma análoga, espera-se que, até 2021, o BIM no estado de Minas Gerais seja utilizado no “desenvolvimento de projetos de arquitetura e engenharia, referentes a construções novas, ampliações ou reabilitações, quando consideradas de grande relevância para a disseminação do BIM, abragendo, no mínimo, a elaboração dos modelos de arquitetura e dos modelos de engenharia e disciplinas complementares, a detecção de interferências físicas e funcionais entre as diversas disciplinas e a revisão, a extração de quantitativos e a geração de documentação gráfica, extraída dos modelos a que se refere este inciso”.

Já a partir de 2024, seu uso será ampliado, abrangendo também a “execução direta ou indireta de projetos de arquitetura e engenharia e na gestão de obras”. Aos usos previstos na prima fase, adicionam-se também a orçamentação, o planejamento e o controle da execução de obras e a atualização do modelo e de suas informações como construído, as built.

Finalmente, a partir de 2028, o BIM conseguirá envolver todo o ciclo de vida da construção, de acordo com a filosofia que o inspirou. De fato, prevê-se que, neste prazo, o BIM será utilizado até na manutenção de construções que tenham sido desenvolvidos ou executadas com aplicação do BIM.

Para a correta execução dessa Estratégia, o Decreto institui o Comitê Gestor da Estratégia BIM-MG CG-BIM, formado por 1 representante e 1 suplente de cada um dos seguintes órgãos estaduais:

  • Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade – SEINFRA, que exercerá a presidência
  • Secretaria de Estado de Educação
  • Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública
  • Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão
  • Secretaria de Estado de Saúde
  • Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais – DER-MG

BIM Minas Gerais: frutos de um longo trabalho

A publicação do Decreto é apenas a etapa final de um caminho que está sendo trilhado faz um tempão. Já no verão de 2020, foi celebrado o Convênio entre o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER-MG) e a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (SEINFRA). Assim, viu a luz o LaBIM MG, laboratório para inovação, desenvolvimento e pesquisa.

O Convênio n° 10.971, vigente até junho de 2022, prevê a aquisição de softwares e equipamentos adequados para implementação do sistema BIM em Minas Gerais, além da implantação do espaço laboratorial LaBIM. O plano de trabalho também inclui a capacitação dos servidores envolvidos para implementação da tecnologia no Estado.

Lembrando que Minas Gerais faz parte, junto com Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud). O acordo inclui a troca de softwares e metodologias BIM, criando a Câmara Temática da Estratégia do BIMCT BIM Cosud. Realmente a troca de negócios, experiências, recursos é o foco da metodologia BIM. Parabéns!

Confira aqui uma conversa entre o Vitor Calixto Curi (Assessor da Diretoria de Edificações e Infraestrutura – Coordenador de Implantação BIM – DER/SEINFRA), Denise Aurora Neves Flores (Arquiteta e Urbanista, Pesquisadora Associada ANTAC, VP de Aperfeiçoamento Profissional na AsBEA – MG) e Everaldo Bonaldo (Chefe do Departamento de Engenharia Civil da PUC Minas).

ACCA em MG: colaboração no espírito do BIM

Já sabem que aqui na ACCA a gente não gosta apenas de acompanhar de longe os progressos dos nossos colegas brasileiros, e sim de participar deles! Por isso, resolvemos celebrar parcerias acadêmicas e institucionais com institutos e órgãos chaves para a disseminação e implementação do BIM no estado de Minas Gerais.

Convênios acadêmicos

Faz já dois anos de colaboração com os valiosíssimos profissionais da UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora). Curiosidade: os estudantes da LABIM UFJF foram os primeiros alunos a mexer com a nossa plataforma para trabalho colaborativo usBIM.platform, e olha aqui que trabalho bacana que saiu. Nosso agradecimento ao Prof. Maurício Aguilar Molina e aos membros da LABIM UFJF, em particular, David Marcos Souza Rezende, Aldo Ribeiro de Carvalho e Júlia Gargiulo Duarte Barra, que fizeram de porta-voz com eficiência e simpatia para o inteiro grupo.

A imagem mostra a interface de usBIM.platform

LABIM UFJF | A organização do projeto em usBIM.platform

De recente, também tivemos o prazer de assinar um termo de cooperação acadêmica com a PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) para proporcionar gratuitamente nossas soluções a alunos e docentes. Nossas ferramentas estarão apoiando, em particular, o trabalho do Núcleo BIM da PUC Minas que, com seus três cursos de Pós-Graduação em BIM Manager, BIM: Projeto Paramétricos e Design Digital aplicados à Construção Civil e BIM: Projetos de Infraestrutura, faz convergência entre diversas disciplinas visando formar perfis diferenciados de profissionais e atender múltiplas demandas do mercado.

A imagem ilustra o Nucleo BIM da PUC Minas

Núcleo BIM | Fonte: PUC Minas

Finalmente, não podemos deixar de mencionar o IFNMG (Instituto Federal do Norte de Minas Gerais –  Campus Pirapora), que acabou de assinar a parceria educacional conosco.

Convênios institucionais

Em fevereiro de 2021, nossa empresa teve a grande honra de celebrar um acordo de cooperação técnica com a CBIM MG, a Câmara Brasileira de BIM de Minas Gerais, visando desenvolver atividades conjuntas na disseminação e fomento de tecnologia BIM no estado de Minas Gerais. Em particular, o acordo prevê a utilização totalmente gratuita das ferramentas BIM da ACCA pelos profissionais da CBIM MG no âmbito do BIM Unboxing, projeto que tem como objetivo convidar profissionais, professores acadêmicos e estudantes do mercado AECO para fazer um manual comparativo de soluções BIM existentes no mercado.

A imagem se refere ao acordo de cooperacao tecnica entre a ACCA e a CBIM MG

Pelos trâmites desse mesmo convênio com a CBIM MG, a ACCA vem desenvolvendo um projeto piloto junto ao GTBIM-BH (Grupo Técnico da Implantação do BIM do Município de Belo Horizonte) no intuito de apresentar nossas ferramentas BIM para os profissionais do grupo e capacitá-los na utilização das mesmas.

Em setembro de 2021, nossa empresa também teve o grande prazer de celebrar um Termo de cooperação com o Estado de Minas Gerais, por intermédio da SEINFRA (Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade), prevendo a doação de algumas das nossas soluções BIM (Edificius, EdiLus, PriMus FULL, usBIM.clash, usBIM.platform, Solarius PV, CerTus SCAFFOLDING) e dos respectivos treinamentos. O termo visa apoiar a modelagem BIM de projetos Padrão da SEINFRA e, mais em geral, o trabalho do LABIM MG.

A imagem mostra a mencao do termod e doacao entre a ACCA e o SEINFRA MG no Diario Do Executivo de MG

Nosso agradecimento a todos nossos parceiros acadêmicos e institucionais pela confiança e pelo apoio! Temos certeza de que o trabalho que vemos promovendo juntos só poderá fortalecer a Estratégia BIM do Estado.

Ainda tem muito trabalho pela frente, mas o caminho que Minas tem percorrido é sem dúvida o mais certo para o fomento e a implementação do Building Information Modeling nele, e nós da ACCA continuaremos a apoiá-lo da melhor forma possível.

usbim-platform
usbim-platform