Home » BIM e Projeto de construção » A revolução do BIM para pequenas construtoras

BIM para pequenas construtoras

A revolução do BIM para pequenas construtoras

Explore o impacto da abordagem BIM para pequenas construtoras: você descobrirá como essa metodologia não apenas otimiza o tempo e os recursos empregados, mas também garante altos padrões de qualidade e precisão, mesmo em projetos de construção de pequenas dimensões


A abordagem BIM (Modelagem de Informações de Construção) está revolucionando a indústria da construção em todo o mundo. Mas como essa inovação se aplica às pequenas construtoras? Neste artigo, exploraremos como o BIM está mudando o cenário das construções de pequena escala e como pode oferecer benefícios significativos mesmo para essas realidades.

Abordagem BIM para pequenas construtoras

Foi amplamente discutido o quanto a introdução da abordagem BIM na concepção de obras de engenharia e arquitetura é muito mais desafiadora quando se trata de edifícios pequenos em comparação com grandes canteiros de obras e estruturas muito mais complexas. Em um pequeno escritório de projeto, pode ser dispendioso, se não proibitivo, implementar métodos e software capazes de acelerar as fases de criação e gerenciamento de um projeto, especialmente para um cliente privado cujo único desejo é ter uma casa, a um preço justo e com uma rápida aprovação da documentação do projeto pelos órgãos técnicos competentes.
Mas o tempo necessário para o projeto e organização, incluindo revisões e alterações subsequentes, desempenha um papel fundamental na determinação da remuneração do projetista: cada revisão do projeto implica em um envolvimento de tempo que requer otimização cuidadosa. Portanto, a tarefa do projetista não deve se limitar apenas à fase inicial de projeto, mas também deve se estender ao controle e gerenciamento subsequente do projeto, a fim de maximizar a eficiência e a consistência do processo.

A adoção de um processo BIM tem o potencial para revolucionar essa maneira de operar, permitindo ao projetista dedicar mais tempo à fase criativa e ao controle/cálculo de formas. Um modelo BIM bem definido, em conformidade com critérios de simplificação adequados, pode oferecer suporte de várias maneiras. Vamos ver quais.

Criação de documentos técnicos

Para apresentar o projeto aos órgãos de controle do território, é possível criar uma infinidade de plantas, vistas, seções e detalhes construtivos essenciais sem gastar tempo adicional. A criação desses documentos técnicos no contexto da abordagem BIM (Modelagem de Informações de Construção) é uma característica fundamental para visualizar plantas e seções por meio de um modelo de construção. Essas representações ajudam a comunicar o design, verificar o cumprimento das regulamentações, economizar tempo na criação de documentos detalhados e manter todos os membros da equipe atualizados sobre as alterações no projeto. Em resumo, eles melhoram a compreensão, a comunicação e a precisão em projetos de construção.

Tabela gráfica com plantas, vistas, seções, renderizações obtidas com o Edificius

Tabela gráfica com plantas, vistas, seções, renderizações obtidas com o Edificius

Usando o Edificius e a modelagem BIM na fase de projeto arquitetônico 2D/3D, é possível obter e manter automaticamente todos os desenhos arquitetônicos e a documentação do projeto atualizados, incluindo plantas, vistas, seções, projeções, axonometrias, cortes axonométricos, perspectivas, relações arquitetônicas, tabelas, gráficos e o perfil altimétrico.

Atualização em tempo real

Durante a fase de projeto, qualquer tipo de alteração no modelo é refletido automaticamente e em tempo real em todos os documentos gerados pelo próprio modelo (plantas, seções, tabelas, vistas 3D, apresentações em vídeo, etc.). Isso permite a verificação imediata de erros e não conformidades, mantendo o projeto alinhado em todos os seus componentes.
Isso significa que qualquer alteração feita no modelo é imediatamente visível a todos os membros da equipe que estão colaborando nele, facilitando uma comunicação eficaz, garantindo a consistência dos dados, economizando tempo, permitindo decisões mais informadas e oferecendo uma verificação contínua das alterações. Em suma, a atualização em tempo real melhora significativamente a eficiência e a precisão em projetos de construção, contribuindo para um fluxo de trabalho mais eficaz e o compartilhamento instantâneo de informações entre os membros da equipe.

Envolvimento direto do cliente

O cliente pode ser envolvido diretamente por meio do modelo BIM e das ferramentas conectadas, mesmo sem ser um especialista na área. O envolvimento direto do cliente no âmbito da abordagem BIM (Modelagem de Informações de Construção) é um processo que torna o projeto de construção mais acessível e compreensível para os clientes. Isso ocorre por meio da visualização tridimensional dos projetos, da interação direta com o modelo e da possibilidade de fornecer feedback imediato.
Uma comunicação mais clara reduz mal-entendidos, melhora o envolvimento do cliente e promove decisões mais informadas.
Você pode verificar em tempo real a qualidade de suas escolhas de projeto e apresentar ao seu cliente o projeto conforme será realizado, testando diferentes soluções juntamente com ele em tempo real usando o ambiente de renderização em tempo real de software de projeto arquitetônico 3D.

Representação realista

O ambiente de renderização do software BIM permite uma representação realista do projeto durante a fase de apresentação. Essas representações oferecem uma visão imersiva do projeto final, mostrando detalhes como acabamentos, materiais e iluminação. São úteis para verificar o design, envolver os clientes, apresentar projetos de forma eficaz, identificar possíveis problemas e documentar o projeto de forma fotorrealista.

Visualização de vistas paralelas

É possível produzir vistas específicas para operações de demolição e reconstrução, atualizando as informações diretamente a partir dos relatórios e documentos do canteiro de obras. Essa ferramenta é útil para análise detalhada do projeto, controle de erros, comunicação eficaz com os clientes e acompanhamento do progresso no canteiro de obras. Em resumo, melhora a precisão e eficiência em projetos de construção, proporcionando uma visão detalhada de várias perspectivas.

Colaboração na nuvem

A equipe de técnicos pode compartilhar aspectos arquitetônicos, estruturais, de instalações e operacionais na nuvem, com a possibilidade de edição e atualização em tempo real. A colaboração na nuvem é um aspecto fundamental da abordagem BIM; trata-se de um conceito que permite a todos os membros de uma equipe de projeto, incluindo arquitetos, engenheiros, designers, instaladores e outros profissionais envolvidos na construção, trabalhar de forma sincronizada em um único modelo BIM compartilhado em uma plataforma na nuvem.

usBIM: colaborar remotamente nos mesmos modelos digitais e nos mesmos documentos para manter a equipe sempre sincronizada

usBIM: colaborar remotamente nos mesmos modelos digitais e nos mesmos documentos para manter a equipe sempre sincronizada

Aqui está como funciona e por que é tão importante:

  1. Acesso universal: Quando o modelo BIM está hospedado em uma plataforma na nuvem, ele é acessível de qualquer lugar e de qualquer dispositivo com conexão à internet. Isso significa que os membros da equipe não estão restritos a uma única localização física e podem colaborar no escritório, em casa ou até mesmo no canteiro de obras.
  2. Alterações em tempo real: Com a colaboração na nuvem, qualquer alteração feita no modelo BIM por um membro da equipe é imediatamente visível para os outros membros. Isso permite uma colaboração em tempo real e reduz a necessidade de enviar documentos ou arquivos por e-mail, evitando duplicações ou versões desatualizadas.
  3. Controle de versões: As plataformas na nuvem BIM rastreiam automaticamente as alterações e versões do modelo. Isso garante que todos os membros da equipe estejam trabalhando na versão mais atualizada e que seja possível retroceder para versões anteriores, se necessário.
  4. Compartilhamento seguro: As plataformas na nuvem BIM oferecem soluções avançadas de segurança para proteger os dados sensíveis do projeto. Usuários autorizados podem acessar o modelo, enquanto as configurações de acesso garantem que os dados estejam protegidos contra acessos não autorizados.
  5. Facilita a colaboração multi-dispositivo: A colaboração na nuvem facilita o uso de dispositivos diferentes. Por exemplo, um arquiteto pode fazer alterações no modelo BIM usando um computador desktop, enquanto um engenheiro pode fazer o mesmo usando um tablet ou até mesmo um smartphone.
  6. Reduz conflitos e erros: A colaboração na nuvem permite que vários profissionais verifiquem suas informações e alterações em tempo real, reduzindo ao mínimo conflitos e erros de projeto. Isso melhora a qualidade do projeto e reduz os custos relacionados a correções durante a construção.

Verifique por si mesmo todas as vantagens da colaboração BIM. Experimente gratuitamente para sempre o usBIM; você verá como é possível otimizar o projeto BIM e colaborar de forma eficaz com as diferentes equipes por meio de ferramentas de comunicação específicas para profissionais do setor AECO.

Conclusões

Em conclusão, a abordagem BIM oferece benefícios significativos mesmo para as pequenas construtoras e, embora possa parecer inicialmente dispendiosa, sua implementação pode economizar tempo e energia, melhorando a qualidade e precisão do processo de projeto e construção. À medida que o setor da construção evolui, abraçar o BIM pode ser a chave para permanecer competitivo e atender às necessidades dos clientes de forma mais eficiente.

 

 

 

edificius
edificius