Home » BIM e Arquitetura » Blockchain na construção: a revolução do AECO

a imagem mostra a Blockchain na Construção

Blockchain na construção: a revolução do AECO

A Blockchain na construção ajuda a criar um banco de dados seguro e confiável com o histórico de trocas entre os usuários. Saiba mais!

A indústria da construção tem sido tradicionalmente muito relutante em mudar e bastante lenta na adoção das novas tecnologias de digitalização.

Nos últimos anos, no entanto, temos visto a introdução do Building Information Modeling, que melhorou muito a produtividade e a eficiência do setor da construção, e estamos dando os primeiros passos para uma nova transformação digital focada em conectar o BIM e a Blockchain.

Conhecida como a tecnologia que alimenta o Bitcoin e outras criptomoedas, a Blockchain está de fato oferecendo oportunidades significativas para uso no setor de AECO (Arquitetura, Engenharia, Construção e Operação), e várias empresas já estão experimentando suas vantagens e potencial.

Antes de descobrir como essa tecnologia pode revolucionar o futuro da construção, vamos tentar entender o que realmente significa o termo Blockchain!

O que é a Blockchain

A Blockchain é uma tecnologia inovadora que permite o arquivamento de informações digitais, que não podem ser alteradas, copiadas ou duplicadas, pois são únicas.

Ao contrário dos métodos tradicionais de arquivamento, que prevêem um repositório central (particularmente sujeito a ataques de segurança) a partir do qual os dados podem ser acessados de qualquer lugar, a Blockchain baseia-se na criação de um registro virtual distribuído (à prova de adulteração), em que os dados são compartilhados, arquivados e verificados pelos próprios usuários que administram o cadastro, em ordem cronológica e sem a necessidade de intermediário.

Em palavras muito simples, a Blockchain pode ser considerada como uma cadeia de blocos contendo informações, cuja integridade é garantida pelo uso de criptografia. Uma vez que a informação é cadastrada dentro da Blockchain torna-se praticamente impossível modificá-la. Cada bloco da cadeia, de fato, contém três elementos essenciais:

  1. os dados armazenados nesse bloco, que dependem do tipo de Blockchain (por exemplo, a Blockchain Bitcoin pode registrar os detalhes de uma transação em cada bloco, como remetente, destinatário e valor trocado).
  2. A hash, ou seja, uma impressão digital constituída por uma cadeia alfanumérica que identifica de forma única o bloco e que varia sempre que são efetuadas alterações aos dados nele contidos.
  3. A hash do bloco anterior, essencial para dar origem à cadeia e tornar a Blockchain extremamente segura; de fato, se um bloco for adulterado por um hacker, a hash desse bloco será alterada automaticamente, os blocos subsequentes não poderão mais reconhecê-lo e toda a cadeia será comprometida.
Blockchain na construção: conteúdo do bloco único

Blockchain: conteúdo do bloco único

Para garantir maior segurança, a Blockchain também utiliza um protocolo chamado Proof of Work (prova de trabalho em portugês), que consiste em uma solicitação de cálculos adicionais necessários para retardar a criação de novos blocos e tornar mais complexas as operações de hackers.

Um recurso adicional da Blockchain, que contribui para aumentar a segurança, é representado pela descentralização. Blockchains, de fato, usam uma rede peer-to-peer (ponto a ponto), em que cada nó se comunica diretamente com os demais, sem a mediação de um servidor. Quando um nó cria um novo bloco, este bloco é enviado para os outros nós da rede, que podem verificar sua correção antes mesmo de ser adicionado a Blockchain.

Embora ainda em seus estágios iniciais de desenvolvimento, a tecnologia Blockchain tem todo o potencial para revolucionar a indústria da construção para melhor, simplificando e acelerando as práticas tradicionais de projetos. Então vamos descobrir quais são as possíveis aplicações da Blockchain na indústria da construção, e como essa tecnologia pode ser capaz de transformar proveitosamente o setor.

Como a Blockchain está revolucionando a indústria da construção

A indústria da construção está passando por uma transformação digital e uma atualização de suas práticas de negócios, e neste cenário a tecnologia Blockchain tem potencial para influenciar e facilitar muito essas mudanças.

Graças à sua capacidade de registrar e proteger uma enorme quantidade e variedade de transações, a Blockchain fornece uma infraestrutura confiável para gerenciar informações durante todas as fases do ciclo de vida do projeto.

As inovações introduzidas por esta poderosa tecnologia são capazes de substituir os métodos tradicionais da indústria da construção por métodos mais modernos e avançados, baseados em quatro princípios fundamentais:

  1. descentralização: a Blockchain é um registro distribuído, que permite o acesso simultâneo a todos os usuários da rede para visualizar e verificar as informações armazenadas.
  2. Segurança: todos os dados são resguardados e protegidos por códigos criptográficos.
  3. Independência: as mudanças que ocorrem dentro da Blockchain são confirmadas e verificadas diretamente pelos próprios participantes, evitando a necessidade de um autenticador externo.
  4. Funcionalidade inteligente: a Blockchain pode ser usada para executar algoritmos que permitem a execução automática de comandos específicos, como no caso dos Smart Contracts, ilustrados abaixo.

Como a Blockchain é usada no setor da construção

A tecnologia Blockchain representa um meio eficiente e transparente de automatizar processos e aumentar a confiança entre as partes envolvidas nos projetos de construção. De fato, entre as aplicações mais interessantes da Blockchain no setor da construção encontramos as chamadas Smart Contracts.

Um Smart Contracts, ou contrato inteligente em português, é um contrato de execução automática entre o cliente e o profissional, fabricante ou empresa fornecedora de bens ou serviços. Este tipo de contrato prevê a definição de um esquema cronológico no qual são detalhadas as etapas do projeto. Um orçamento é determinado para cada fase individual e os fundos de todo o projeto são coletados e depositados em uma carteira baseada em criptomoeda. Cada fase do projeto está vinculada a um bloco Blockchain, que possui condições e resultados específicos a serem atendidos. Uma vez que os empreiteiros concluíram a tarefa e a obra passou na inspeção (ou a mercadoria a ser entregue foi recebida), o bloco é aceito e adicionado à cadeia, e o sistema paga automaticamente o valor pré-determinado às partes correspondentes, acessando diretamente a carteira de projetos e aplicando sanções em caso de atraso ou não cumprimento. Este sistema, além de simplificar bastante o processo de pagamento, também elimina qualquer disputa sobre ele.

A tecnologia Blockchain no setor da construção também pode ser usada de forma eficaz para:

  • gerenciar a cadeia de suprimentos: a Blockchain pode ajudar a rastrear objetos físicos da origem ao destino final e planejar atividades (ou remessas de materiais), iniciando a próxima fase somente após a conclusão da anterior, economizando tempo e dinheiro.
  • Arquivar os dados: a Blockchain permite criar um repositório de dados verificado, imutável e permanente, contendo todos os documentos do projeto, em relação ao andamento. A capacidade de registrar informações importantes, como autor, hora de criação ou versão do documento, pode facilitar a conformidade com os requisitos legislativos e os processos de resolução de disputas.
  • Processar pagamentos: o conceito de blockchain é construído em torno da troca monetária. Portanto, essa tecnologia é usada principalmente para simplificar o processamento de pagamentos, que serão pagos mais prontamente aos interessados, aumentando a segurança e criando informações rastreáveis.
  • Acompanhar as trocas de informações em BIM: a aplicação da Blockchain em projetos BIM possibilita o uso de redes peer-to-peer para compartilhar informações e fazer atualizações em tempo real. O monitoramento constante das trocas de informações garante maior transparência (atestam que todas as etapas foram realizadas corretamente e de acordo com os padrões exigidos) e ajuda a melhorar a comunicação entre as partes envolvidas. A combinação entre BIM e a Blockchain também ajuda a melhorar a eficácia dos Smart Contracts. Por exemplo, o modelo BIM pode ser utilizado como parte integrante do contrato, consequentemente os valores envolvidos trabalharão para adequar a construção física real ao modelo digital da edificação, e qualquer desvio do modelo BIM resultará automaticamente em retrabalho e alterações nos pedidos. Para conhecer todas as vantagens e potencialidades da integração entre BIM e a Blockchain, leia também este artigo.
  • Gerenciar a manutenção de recursos: todos os dados relativos à gestão do ciclo de vida do projeto podem ser arquivados e mantidos no registro distribuído de uma Blockchain. As principais aplicações desta tecnologia no Facility Management incluem, por exemplo, digitalização e monitorização de ativos, gestão de sistemas AVAC, integração com dispositivos inteligentes (IoT), etc.
Blockchain-Aplicações em construções

Blockchain-Aplicações em construções

Claro, as que acabamos de ilustrar são apenas algumas das possíveis aplicações da Blockchain nos processos de projeto, construção e gerenciamento de edifícios. Esta tecnologia emergente está de fato destinada a impulsionar a transformação digital da construção nos próximos anos, oferecendo ao setor inúmeras oportunidades para se tornar cada vez mais competente, claro, produtivo e sustentável.

Se você deseja experimentar os benefícios da tecnologia Blockchain em seu processo de projeto BIM, pode contar com um BIM Management System que integra um aplicativo específico para registrar qualquer documento de projeto na Blockchain (modelos IFC, modelos em formato proprietário, arquivos pdf, imagens, etc.). Além de garantir a transparência, verificabilidade e eficácia das trocas de informações entre as diversas partes envolvidas no projeto BIM, o aplicativo para Blockchain também garante a autenticidade e imutabilidade ao longo do tempo de qualquer arquivo armazenado na plataforma de compartilhamento.

Quais são os benefícios da Blockchain na indústria da construção

Como parte do processo da construção, a Blockchain permite simplificar a gestão de projetos, melhorando a comunicação entre as partes envolvidas (projetistas, empresas, fornecedores, etc.) e garantindo a máxima transparência e rastreabilidade dos dados. Mas a implementação desta tecnologia também permite:

  • melhorar os processos de tomada de decisão;
  • eliminar volumes de papel;
  • automatizar a execução de contratos;
  • limitar verificações e controles manuais;
  • racionalizar a cadeia de abastecimento;
  • reduzir custos administrativos;
  • proteger a propriedade intelectual;
  • simplificar os pagamentos;
  • reduzir disputas.

Quais são os desafios associados à implementação da Blockchain

Os possíveis benefícios da Blockchain para o setor da construção são empolgantes, mas a revolução digital está apenas começando e ainda há muitos obstáculos a serem superados antes que essa tecnologia se torne prática comum no processo de projeto. Os desafios mais importantes a serem enfrentados para a aplicação completa e generalizada da Blockchain estão relacionados principalmente a:

  • ceticismo, visto que clientes, profissionais e empresas ainda estão relutantes em adotar este sistema eficiente em suas operações diárias;
  • falta de recursos, pois para implementar a Blockchain é necessário criar uma variedade de sistemas complexos, que têm um custo elevado e requerem a intervenção de pessoas qualificadas e experientes na área;
  • inadequação do mercado, que infelizmente ainda não está preparado para acolher tal inovação, mas que está gradualmente fazendo os esforços necessários para a mudança.

 

usbim
usbim