Home » BIM e MEP » Instalação elétrica aparente: soluções e benefícios

Instalação elétrica aparente

Instalação elétrica aparente: soluções e benefícios

Os diferentes métodos para realizar uma instalação elétrica aparente com segurança total, sem negligenciar a estética do projeto e sem deixar rastros


Quando não é possível realizar uma instalação elétrica tradicional embutida, você pode optar por uma instalação elétrica aparente. Mas é seguro? Está em conformidade com as normas? Como é feito?

Aqui estão as melhores soluções para garantir estilo e segurança para o seu projeto.

A instalação elétrica aparente está em conformidade com as normas?

Se você propõe ao seu cliente uma instalação elétrica aparente, uma das primeiras observações que você receberá certamente será sobre a segurança e a conformidade da instalação com as normas vigentes.
Portanto, antes de começar, deixe-me antecipar que sim, é possível realizar uma instalação elétrica aparente que respeite plenamente todas as normas vigentes.

No entanto, é essencial que a instalação seja feita com cuidado e precisão por um profissional qualificado, devidamente autorizado.

A conformidade normativa de uma instalação elétrica aparente depende de vários fatores, incluindo o correto projeto e instalação da instalação, o cumprimento das normas de segurança e das especificações locais. Isso inclui a disposição correta das tomadas, interruptores, dispositivos de proteção elétrica e outros componentes de acordo com as necessidades do usuário e as características do edifício.

Tabela executiva de sistemas elétricos feita com Edificius-MEP

Tabela executiva de sistemas elétricos feita com Edificius-MEP

Devem ser utilizados materiais e componentes elétricos que estejam em conformidade com os padrões de segurança, aprovados e certificados. Isso inclui cabos elétricos, tomadas, interruptores, caixas de derivação e todos os outros elementos da instalação.

A instalação da instalação deve ser realizada por pessoal qualificado e competente, capaz de cumprir as normas e procedimentos de segurança durante todas as fases do trabalho.

Após a instalação, a instalação deve ser inspecionada e testada por um técnico autorizado para verificar a conformidade com as normas de segurança e garantir que tenha sido realizada de acordo com as regras da arte. Após a inspeção, deve ser emitido um certificado atestando a conformidade da instalação com as normas vigentes.

Instalação elétrica aparente: o que é

Quando entre o final do século XIX e o início do século XX a energia elétrica começou a ser introduzida nos edifícios residenciais, todas as instalações eram feitas de forma aparente, utilizando componentes de cerâmica e metal e cabos de seção redonda ou plana.
Após a Segunda Guerra Mundial, o uso de instalações aparentes foi gradualmente reduzido, dando lugar às instalações embutidas e encontrando aplicação apenas em ambientes de trabalho ou serviço.

Hoje, a instalação elétrica aparente pode estar novamente na moda, devido à redescoberta do estilo vintage, ao crescente interesse por lofts e ao interesse na recuperação de edifícios industriais abandonados.

Uma instalação elétrica aparente moderna é totalmente semelhante às mais antigas, mas utiliza componentes mais modernos, embora muitas vezes com um estilo marcadamente retrô. Tecnicamente e normativamente, não há contra-indicações, desde que a instalação, como já mencionado, seja feita por um técnico especializado, que emita um certificado de execução regular dos trabalhos relacionados à instalação.

Como nos projetos de instalação tradicionais, é recomendável começar pela elaboração de um esquema da instalação, que apresente a posição e o tipo de tomadas, pontos de luz, interruptores, quadro elétrico e qualquer outro componente a ser inserido (telefone, dados, TV, etc.). O esquema será essencial tanto para apresentar as autorizações necessárias aos órgãos competentes quanto para ser utilizado no canteiro de obras para sua realização.

No caso das instalações aparentes, também pode ser útil a realização de um modelo 3D que ajude a imaginar o resultado final. Na prática, partindo do modelo 3D arquitetônico, com um software BIM para modelagem de instalações MEP, você insere diretamente em 3D, calhas, tomadas, luzes, etc. e estabelece o posicionamento exato. Você pode criar renderizações e vistas realistas do projeto completo com instalações e ter certeza de que o resultado será apreciado também pelo cliente. Automaticamente, você obtém também as plantas e os esquemas da instalação com sua legenda.

Instalação elétrica aparente

Uma vez realizada a instalação externa, será cada vez mais fácil intervir para eventuais modificações ou integrações para ampliar uma instalação já existente, realizando uma adicional e colocando-a em conformidade.

Atualmente, as alternativas no mercado são muitas: muitos fabricantes prevêem em seus catálogos um ou mais sistemas desse tipo, e portanto, é possível realizar uma instalação aparente que faça da estética seu ponto forte.

Vamos descobrir as principais alternativas para uma instalação elétrica aparente.

Tubulações de PVC aparentes

A maneira mais simples e econômica de proceder é usar tubos circulares rígidos, de PVC, que abriguem a passagem dos cabos elétricos. Estes serão fixados na parede com grampos de fixação específicos. Caixas de derivação, pontos de tomada e pontos de comando serão sempre do tipo externo, estritamente aparentes. Esta solução não oferece escolha em relação às cores, uma vez que os tubos de PVC externos são geralmente de cor cinza claro. Isso não impede que, com muita paciência, seja possível pintar novamente as calhas de acordo com as necessidades, combinando-as com as paredes para um efeito camuflado ou brincando com contrastes cromáticos para enfatizar sua presença. O importante é planejar previamente a posição das calhas para não obter um resultado desordenado e esteticamente desagradável.

Calhas de PVC

Se deseja criar uma instalação externa mais elegante, pode-se usar as clássicas calhas, disponíveis no mercado em diversos tipos e cores.
A única coisa a se ter em mente é a escolha das peças especiais para conexões angulares, em T, etc.

Rodapés porta cabos

Outra solução alternativa à instalação embutida tradicional pode ser o uso de rodapés porta cabos. São elementos arquitetônicos projetados para passagem de cabos elétricos ao longo do perímetro de uma sala. Geralmente são instalados perto do chão (mas é possível escolher também perfis adequados para criar molduras porta cabos para aplicar ao longo do perímetro do teto ou em diferentes alturas ao longo das paredes) e fornecem um canal onde é possível esconder os cabos elétricos para que não sejam visíveis. Isso não apenas oferece uma aparência mais organizada e limpa ao ambiente, mas também ajuda a reduzir o risco de tropeções ou danos aos cabos. Essa solução pode ser uma alternativa válida quando a estética da instalação aparente não é particularmente apreciada, mas é complicado realizar uma instalação embutida.
Os rodapés e molduras porta cabos podem ser feitos de vários materiais, incluindo PVC, metal ou madeira, e são projetados para acomodar uma variedade de cabos elétricos. Podem estar disponíveis em diferentes tamanhos e acabamentos para se adaptar ao design e estilo de cada ambiente.

Instalação aparente no estilo “vintage”

Para os amantes do estilo vintage ou para edifícios rústicos ou de valor histórico, a melhor solução é usar cabos trançados, assim como aqueles usados em casas dos anos 30 e 40. O efeito é garantido, especialmente se as outras componentes aparentes também forem escolhidas com precisão. Interruptores rotativos, disponíveis em acabamentos de madeira ou bronze, caixas de derivação, rosetas aparentes e calhas tubulares metálicas, juntamente com a trança decorativa e os isoladores de cerâmica, darão vida a uma instalação única e fascinante. Neste caso, a escolha dos pontos de luz também pode refletir o estilo escolhido.

Vantagens e desvantagens

Optar por uma instalação elétrica aparente nem sempre é uma escolha de estilo. Às vezes, pode ser uma necessidade real relacionada à impossibilidade de fazer trilhas nas paredes existentes.
Os casos mais comuns incluem alvenarias estruturais de pedra, onde é complicado ou muito caro fazer trilhas, alvenarias de face à vista ou intradorso de lajes com vigas de madeira onde as calhas não podem ser escondidas pelo reboco, ou simplesmente obras onde se optou por minimizar o impacto dos trabalhos em termos de custos, tempo e transtornos para os ocupantes (poeira, ruído, etc.). Em outros casos, a instalação aparente pode ser uma escolha clara de estilo, para um design vintage, rústico ou industrial.

Mas quais são os prós e os contras de uma instalação elétrica aparente?

Aqui estão as vantagens:

  • custo acessível: em comparação com uma instalação embutida tradicional, uma instalação aparente oferece uma excelente relação custo-benefício, garantindo ainda altos padrões de segurança;
  • menor intervenção na alvenaria: evita trabalhos caros de alvenaria para criar trilhas necessárias para uma instalação tradicional não aparente;
  • manutenção fácil: em caso de falhas ou modificações, o acesso à instalação é mais direto e não requer demolições de alvenaria;
  • adaptabilidade e versatilidade: integra-se perfeitamente ao ambiente circundante e pode ser facilmente personalizado para atender a diferentes necessidades estéticas e funcionais;
  • estética de impacto: uma instalação aparente pode se tornar um elemento de design refinado, contribuindo para definir o estilo do ambiente.

As desvantagens:

  • maior vulnerabilidade: em comparação com uma instalação embutida, uma instalação aparente está mais exposta a danos acidentais ou intervenções não autorizadas;
  • custos mais altos para soluções de design especialmente elaboradas: se optar por soluções de alta qualidade e design, os custos podem ser superiores aos de uma instalação embutida.

Se você estiver interessado no assunto, leia também Instalação hidráulica aparente: as vantagens da modelagem 3D.

 

edificius-mep
edificius-mep