Padrões abertos, ferramentas e serviços para fluxos de trabalho 100% openBIM

Padrão openBIM: Michelangelo Cianciulli (ACCA software) apresenta a Léon Van Berlo (buildingSMART International) a tecnologia ACCA a serviço dos fluxos de trabalho openBIM

Durante a visita da alta administração buildingSMART International à ACCA, Michelangelo Cianciulli, um dos maiores especialistas mundiais em openBIM, apresentou exemplos da tecnologia ACCA aplicada aos fluxos de trabalho do openBIM ao Diretor Técnico da bSI, Léon Van Berlo.

Foi uma bela oportunidade para destacar como o uso de padrões abertos, ferramentas e serviços pode resultar em fluxos de trabalho 100% openBIM, com enormes benefícios para as partes interessadas.

openBIM standard tecnologia ACCA

Assista à entrevista

Com padrões e fluxo de trabalho 100% openBIM, é possível ampliar a amplitude e a profundidade do uso do BIM, criando um alinhamento e uma linguagem comum conforme os padrões internacionais e os processos de trabalho comumente definidos.

Aplicações técnicas, ferramentas e serviços desenvolvidos para o openBIM melhoram o gerenciamento de dados e eliminam fluxos de trabalho desconectados.

O que são os padrões openBIM?

Os padrões openBIM são padrões comuns de dados abertos: regras neutras e abertas, não controladas por fabricantes, que visam promover a interoperabilidade entre as várias disciplinas da indústria de construção e entre as partes interessadas de um serviço, processo ou produto específico para melhorar a colaboração e o compartilhamento.

Quais os principais padrões openBIM?

Gli standard openBIM

Padrões openBIM

Os principais padrões openBIM são classificados em:

  • Data Standard (Padrão de dados)
  • Workflow Standard (Padrão de processos)
  • Serviços openBIM

O verdadeiro objetivo desses padrões é aprimorar e padronizar os processos de comunicação entre todos os atores interessados.

Data Standard

A complexidade dos projetos de construção moderna exige o uso de padrões abertos.

Um único projeto pode envolver centenas de interessados, desde o arquiteto até a construtora, todos os quais precisam contribuir e acessar dados. É desnecessário dizer que, se esses dados não puderem ser facilmente trocados ou reutilizados durante o ciclo de vida do projeto, pode haver considerável confusão e desperdício de tempo e dinheiro.

Padrões abertos tornam mais fácil e eficiente a comunicação utilizando formatos de intercâmbio de dados como o IFC.

Os Data Standard se compõem de:

  • IFC (Industry Foundation Classes), que permite a catalogação dos dados que compõem as informações.
  • MVD (Model View Definition), que define quais desses dados precisam ser trocados durante um processo de comunicação e representa um filtro das propriedades de um arquivo IFC.

Workflow Standard

O planejamento integrado é baseado na coexistência de diferentes disciplinas e, portanto, modelos específicos feitos por diferentes profissionais. Ao transmitir o modelo pode haver erros e os responsáveis devem ser avisados para corrigi-los.

Portanto, é necessário definir padrões de processo, um conjunto de especificações indicando as informações mínimas necessárias para alcançar todos os processos de todo o ciclo de vida do edifício. O objetivo é aumentar a eficácia da comunicação entre as diferentes partes interessadas.

Os fluxos de trabalho padrão incluem:

  • BCF (BIM Collaboration Format), que foi criado para agilizar a comunicação e permitir a troca de feedback entre os profissionais.
  • IDM (Information Delivery Manual), que padroniza os processos de intercâmbio entre profissionais.
  • IDS (Information Delivery Specification), que define o requisito de intercâmbio dentro de um intercâmbio de informações baseado no uso de um modelo BIM.

Serviços openBIM

Os serviços openBIM incluem o bSDD (BuildingSMART Data Dictionary), um serviço bSI online projetado para mapear dados técnicos de uma forma padronizada.

De fato, além de um certo detalhe torna-se impossível padronizar entidades: é o detalhe onde o IFC pára, e onde as bibliotecas genéricas de qualquer software param.

O bSDD foi criado para ajudar os usuários a preencher a lacuna entre a biblioteca genérica implementada no software e os dicionários e sistemas de classificação mais específicos que são necessários para enriquecer a semântica de um conjunto de dados em um contexto/projeto específico. É uma biblioteca de classes, propriedades, relações e unidades.

O bSDD é um serviço API-first. Os usuários finais podem acessá-la através de ferramentas de software que implementaram o bSDD API.

E a este respeito, vale a pena mencionar as APIs OpenCDE, o projeto bSI que visa melhorar a interoperabilidade dentro do ecossistema de software AEC através de APIs estreitamente ligadas e específicas do domínio.

Que vantages trazem os padrões openBIM?

Os padrões interoperáveis, abertos e internacionais para BIM que transcendem as fases tradicionais de projeto e construção para permitir um ambiente digital completo para todo o projeto e o ciclo de vida do ativo oferecem vantagens substanciais.

Podemos resumir os principais benefícios proporcionados pelas normas openBIM em:

  • fluxos de trabalho mais transparentes, colaborativos e abertos;
  • maior certeza das informações graças a um vocabulário compartilhado de termos industriais;
  • processos de aquisição mais abertos;
  • processos inclusivos para grandes e pequenas empresas;
  • maior reutilização dos dados;
  • integração mais fácil com dados relacionados criados e compartilhados em indústrias relacionadas.

Para que os benefícios sejam compartilhados, as normas precisam ser desenvolvidas coletivamente pelas principais partes interessadas.

Para trabalhar com formatos de arquivo abertos e somente com os padrões openBIM, para se comunicar livremente com outros e gerenciar dados independentemente do software que você utiliza, você precisa escolher uma plataforma openBIM.

Escolha a única plataforma certificada IFC pela buildingSMART International. Utilize gratuitamente uma plataforma openBIM.

Entrevista


The BIM Extender: padrões abertos, ferramentas e serviços para fluxos de trabalho 100% openBIM. Assista ao nosso Michelangelo explicando a tecnologia ACCA para Léon.