Home » BIM e Projeto de construção » PLM BIM: Product Lifecycle Management e projeto BIM

PLM BIM: Product Lifecycle Management e projeto BIM

O PLM BIM é uma abordagem inovadora que integra o potencial do Product Lifecycle Management ao projeto de edifícios. Conheça o papel do PLM no BIM

Nos últimos anos, a linha divisória entre o setor de construção (que sempre foi muito fragmentado) e o setor de manufatura (baseado na padronização) está se tornando cada vez mais fraca, abrindo o caminho para novos cenários de mediação, colaboração e integração mútua.

Inevitavelmente, as tecnologias que dão suporte a esses setores (o Building Information Modeling por um lado e o Product Lifecycle Management por outro) parecem destinadas a convergir.

Este artigo visa justamente analisar o potencial da possível integração entre o PLM e o BIM, destacando as semelhanças e diferenças entre os dois sistemas.

PLM: o que é

O Product Lifecycle Management (Gerenciamento do ciclo de vida do produto, em português), comumente conhecido como PLM, é um processo estratégico voltado para uma gestão do ciclo de vida do produto mais eficiente, desde as fases de concepção, projeto e produção, até as subsequentes de venda, assistência e descarte.

Este processo baseia-se na utilização de tecnologias e softwares inovadores para o gerenciamento de informação capazes de integrar dados, pessoas e processos de negócios em uma única plataforma digital, com o objetivo de ajudar os produtores de bens e serviços (e seus parceiros) a:

  • melhorar os processos de tomada de decisão;
  • agilizar toda a cadeia de suprimentos;
  • aprimorar a colaboração entre as equipes envolvidas;
  • reduzir riscos e erros de gerenciamento;
  • compartilhar informações sobre o produto sempre atualizadas e confiáveis;
  • reduzir tempos e custos de produção;
  • fornecer os mais altos níveis de qualidade e conformidade.

Embora o PLM seja predominantemente usado na indústria manufatureira, os aspectos que este sistema compartilha com o Building Information Modeling são evidentes e oferecem a possibilidade de integrar com sucesso os dois processos, assim levando ao PLM BIM. Vamos descobrir o que ele é!

PLM BIM: o que é

O PLM BIM é uma abordagem de projeto avançada que envolve a integração de soluções PLM e sistemas BIM para melhorar a produtividade e a eficiência da indústria AECO.

As tecnologias do Product Lifecycle Managemen e do Building Information Modeling nasceram em contextos de aplicação totalmente diferentes: o PLM inicialmente focava na produção de automóveis, máquinas complexas, eletrodomésticos, produtos de alta tecnologia e bens de consumo de qualquer tipo, enquanto o BIM sempre envolveu o projeto, a construção e o gerenciamento de edifícios e infraestruturas.

Com o tempo, também graças a uma maior difusão dos métodos pré-fabricados, o processo de construção começou a se parecer cada vez mais com uma cadeia de suprimentos típica de um processo produtivo. Daí, a linha divisória entre o setor manufatureiro e o setor da construção ficou muito ténue.

Hoje em dia, costumamos considerar o edifício como um verdadeiro “produto”, e o processo de projeto BIM tende a seguir as fases características do ciclo PLM, ou seja:

  • Concept & Design: fase de concepção, onde são estabelecidos os requisitos do produto / projeto.
  • Development: fase utilizada para definir o projeto detalhado, através do desenvolvimento de um protótipo que ajuda a identificar todos os pormenores necessários.
  • Production & Launch: fase que vê a produção / construção do ativo, e a sua distribuição no mercado.
  • Support & Service: fase de uso, onde são gerados alguns feedbacks por meio de canais específicos de suporte e manutenção, essenciais para definir quaisquer melhorias.
  • Retirement: fase final do ciclo de vida, onde o produto é descartado e retirado do mercado.
PLM BIM: a imagem mostra as etapas do Product Lifecycle Management

Etapas do Product Lifecycle Management

Na realidade, mais do que um simples produto, o edifício é um sistema complexo constituído por uma série de subsistemas, elementos e componentes interligados. O principal objetivo do PLM BIM é, portanto, criar uma plataforma centralizada (também conhecida como Asset Information Hub) para gerenciar os ciclos de informação e produção relativos a cada componente da obra.

A abordagem PLM BIM fornece um ambiente colaborativo que engloba todos os elementos necessários para tornar as várias fases do projeto seguras, e garante um gerenciamento integrado e essencial de processos, informações, comunicações e recursos.

Naturalmente, a integração entre os sistemas PLM e BIM é suportada pela inovação tecnológica, que permite lidar com volumes de dados significativos e fornecer representações digitais cada vez mais articuladas e complexas.

Seu trabalho envolve a implementação de um processo BIM PLM? Então experimente gratuitamente uma plataforma de colaboração BIM profissional e eficiente, com a qual poderá gerenciar e compartilhar arquivos de grande porte em diferentes formatos, visualizar modelos e desenhos de projetos, manter sua equipe sempre atualizada, melhorar a colaboração com outros atores interessados e otimizar fluxos de trabalho.

Product Lifecycle Management e BIM: os pontos comuns

As tecnologias do Product Lifecycle Management e do Building Information Modeling possuem algumas características em comum que contribuem para a sua integração e abordam:

  • o compartilhamento de dados: as soluções PLM e BIM são baseadas na necessidade de armazenar, gerenciar e compartilhar uma grande quantidade de dados e informações (por exemplo, dentro de um Ambiente Comum de Dados), acessíveis a todos os atores envolvidos, sem restrições legais ou temporais.
  • O gerenciamento do projeto: o desenvolvimento desses processos passa pela organização preventiva dos fluxos de trabalho, para garantir uma melhor gestão dos recursos e respeitar os prazos de entrega dos projetos.
  • A visualização do modelo: tanto o PLM quanto o BIM permitem visualizar e experimentar virtualmente os objetos antes de sua produção ou construção real, bem como detectar antecipadamente quaisquer erros ou interferências (por exemplo, através da Clash Detection e do Model Checking).

PLM e BIM: as diferenças

Além das características comuns, existem diferenças significativas entre os setores do PLM e do BIM, que podem exigir que alguns aspectos sejam modificados ou customizados para facilitar sua convergência. Essas diferenças dizem respeito à:

  • criação de um modelo único: diferentemente do BIM, o projeto de um produto prevê diferentes tipos de representação (tanto gráfica quanto informativa) que definem, por exemplo, sua estrutura, funções, configurações, métodos de produção, etc.
  • Compatibilidade de ferramentas: o PLM e o BIM utilizam diferentes ferramentas e softwares de projeto e planejamento, que requerem linguagem e terminologia específicas, em detrimento da interoperabilidade.
  • Padronização de processos: enquanto no setor de construção o processo BIM é desenvolvido com base nas necessidades específicas do projeto, o setor de manufatura oferece a possibilidade de implementar processos padronizados.
A imagem mostra uma lista de semelhancas e diferencas referente ao PLM BIM

PLM e BIM: semelhanças e diferenças

PLM BIM: o potencial

A integração de soluções PLM em processos BIM ajuda as empresas de construção a:

  • digitalizar de forma eficiente e eficaz seus fluxos de trabalho;
  • facilitar a colaboração com membros de equipes externas;
  • criar um repositório para todas as informações relativas ao edifício com uma estreita ligação entre processos, organização e produção;
  • minimizar erros nas fases avançadas do processo, assim reduzindo a possibilidade de retrabalho e solicitações de mudança;
  • reduzir custos de planejamento, projeto e finalização do projeto;
  • monitorar requisitos e responder de forma mais adequada às necessidades do cliente;
  • garantir a segurança da construção, bem como a saúde e a conformidade ambiental durante todo o ciclo de vida da obra.

 

usbim-platform
usbim-platform