Home » BIM e eficiência energética » Ponte térmica da janela como eliminá-la

ponte térmica da janela

Ponte térmica da janela como eliminá-la

Causas de ponte térmica da janela. Quais são as intervenções mais eficazes para prevenir e resolver?


A eliminação da ponte térmicas de uma janela é um dos desafios mais significativos no campo do design energético. De fato, as pontes térmicas representam uma verdadeira ameaça ao conforto habitacional e ao balanço energético das habitações, e encontrar uma solução, já na fase de projeto, é obrigatório.

Neste artigo, exploraremos detalhadamente o problema das pontes térmicas nas janelas e as soluções práticas para eliminá-los, garantindo uma habitação mais confortável e sustentável.

Para garantir uma análise correta e uma verificação pontual das soluções, você pode usar uma ferramenta para análise das pontes térmicas, cujo funcionamento você pode observar no vídeo complementar deste artigo.

ponte térmica fixada no centro de uma parede isolada do exterior com uma aba -ponte térmica da janela

ponte térmica fixada no centro de uma parede isolada do exterior com uma aba

O que é um ponte térmica da janela?

O ponte térmica da janela representa uma das questões mais relevantes no campo da eficiência energética dos edifícios. Este erro arquitetônico ocorre quando há um desequilíbrio entre os materiais de construção ou quando as precauções necessárias não são adotadas durante a montagem das esquadrias, gerando dispersão de calor ou frio dentro da habitação devido à presença de um ponto “frio” ou “quente” que favorece o fluxo de ar de fora para dentro.
A falta de isolamento térmico, como no caso de uma estrutura de concreto combinada com alvenaria ou uma estrutura de aço associada a outros materiais, é a raiz do problema das pontes térmicas. A resolução definitiva deste problema passa pela restauração do equilíbrio entre os elementos construtivos. Em particular, mofo e condensação representam algumas das questões mais comuns encontradas nas habitações, muitas vezes causadas pela presença de pontes térmicas na janela.

É fundamental, portanto, estudar cuidadosamente a correta instalação das esquadrias, prestando atenção especial a todos os elementos da abertura da janela para criar uma conexão perfeita entre o elemento envidraçado e a alvenaria, obtendo assim um invólucro de construção livre de pontes térmicas.

Infelizmente, nem todos os operadores do setor adotam as práticas necessárias para garantir uma correta requalificação da abertura da janela, muitas vezes limitando-se a instalar as janelas sem prestar atenção suficiente aos detalhes. Portanto, é aconselhável não se limitar apenas ao preço das janelas, mas também pedir informações detalhadas sobre o método de instalação.

É possível evitar ou mitigar as pontes térmicas das janelas através de uma instalação estudada especificamente para obter a requalificação perfeita da abertura da janela. Este método não só resolve ou previne problemas de mofo e condensação que afetam negativamente o conforto habitacional, mas também pode contribuir para melhorar a eficiência energética do edifício, levando-o para classes mais altas de certificação energética.

De acordo com as normas UNI 10818 e UNI 11673-1, o projetista tem a responsabilidade de selecionar o tipo de esquadria, identificar os níveis de desempenho e redigir o projeto executivo das juntas entre a esquadria e os elementos técnicos circundantes, com atenção especial à fixação da esquadria ao suporte, à redução das pontes térmicas/acústicos e à ventilação dos ambientes. Além disso, é importante avaliar a compatibilidade morfológica, dimensional e física entre a esquadria e os elementos circundantes, bem como realizar análises térmicas e verificações de condensação para garantir a correta instalação das esquadrias e a redução das pontes térmicas.

Os efeitos do ponte térmica de uma janela

Os efeitos da ponte térmica de uma janela

Como eliminar a ponte térmica de uma janela

Como vimos, as causas do ponte térmica podem ser múltiplas, mas podem ser (nem sempre) previstas, estudadas e, portanto, corrigidas e eliminadas.
Eliminar ou reduzir as pontes térmicas de uma janela requer uma intervenção direcionada. Existem várias soluções praticáveis para resolver este problema, que dependem das condições específicas do edifício e das janelas.

Resolução de ponte térmica da janela causadas pela soleira ou peitoril passante

Um dos casos mais comuns é representado pela presença de uma soleira ou peitoril passante, onde a laje de mármore ou outro material atravessa o ambiente externo e interno, transmitindo calor ou frio de fora para dentro da habitação. Para resolver este problema, é necessário interromper o ponte térmico cortando a laje e inserindo material isolante entre as duas partes do peitoril. Este procedimento, semelhante ao adotado para as esquadrias com corte térmico e vidro duplo, garante a separação das duas superfícies para evitar a condução do calor.

Soluções para as pontes térmicas da janela causadas pelo caixilho

Outro ponto crítico são os caixilhos, que representam um das pontes térmicas mais comuns em residências. Ao substituir as esquadrias por modelos de alta performance energética, como os da classe A, é fundamental também intervir nos caixilhos para evitar a formação de pontes térmicas. A substituição do caixilho por um modelo termicamente isolado ou a inserção de um isolante adequado são soluções eficazes para resolver esse problema e prevenir a formação de mofo e condensação dentro da estrutura.

Como lidar com as pontes térmicas causadas pelo contramarco metálico

O contramarco perimetral metálico representa outro ponto crítico em termos de pontes térmicas, pois o ferro é um bom condutor de calor. Na presença de janelas de alta performance energética, o risco de formação de pontes térmicas é elevado. Para mitigar esse problema, é aconselhável substituir o contramarco metálico por uma estrutura térmica ou fazer um corte no perímetro do contramarco usando ferramentas apropriadas. Embora essa solução possa melhorar a situação, ela não resolve completamente o problema, mas pode ajudar a reduzir seu impacto.

Correção da ponte térmica nas varandas

Assim como as janelas, as varandas também podem ser afetadas pela formação de pontes térmicas devido aos materiais utilizados e à falta de isolamento adequado. Para resolver esse problema, é possível instalar um sistema isolante em toda a fachada da varanda ou inserir elementos isolantes. Graças às inovações tecnológicas, essas intervenções podem ser realizadas mesmo em edifícios muito antigos, contribuindo para melhorar a eficiência energética e o conforto habitacional da residência.

Cálculo das pontes térmicas

A seguir, quero mostrar um vídeo sobre o uso de um software para o cálculo de pontes térmicas, que auxilia na identificação dos mesmos.

 

termus-bridge
termus-bridge