Home » IFC e openBIM » UniClass 2015: a classificação de objetos IFC

A imagem se refere ao conceito de UniCLASS 2015 em usBIM.viewer+

UniClass 2015: a classificação de objetos IFC

IFC e sistemas de classificação: como adicionar uma classificação às entidades de um modelo IFC de acordo com o sistema UniClass 2015

Você precisa classificar as entidades de um projeto IFC? Ou necessita ler as classificações associadas às entidades existentes em um arquivo IFC? Hoje vamos conhecer o que é o sistema de classificação UniClass 2015, para que serve e como utilizá-lo para classificar e adicionar informações às entidades de um modelo IFC.

Neste artigo, mostraremos como associar ou editar um item de classificação UniClass 2015 diretamente em um modelo 3D usando um editor IFC avançado.

A imagem mostra uma captura do software usBIM.editor, em que é possível editar as classificações IFC dos elementos.

Classificação UniClass dos elementos IFC

Sistema de classificação UniClass 2015: o que é?

UniClass (Unified Classification for the Construction Industry) é um sistema de classificação introduzido pela primeira vez em 1997 no Reino Unido pelo Construction Project Commitee. Surgiu como integração de padrões existentes, por exemplo o EPIC (Electronic Product Information Cooperation) e o CAWS (Common Arrangenent of Work Sections for Building Works).

No setor da construção, a UniClass pode ser definida como um sistema de classificação “facetado”, parcialmente com abordagem enumerativa, que envolve um método de classificação baseado em 15 tabelas e prevê uma hierarquia de pranchas.

As pranchas utilizadas no contexto da UniClass são:

  • Complexos: o termo indica um projeto em termos gerais. Pode se referir, por exemplo, a edifícios residenciais, esportivos, escolares e aeroportos, entre outros.
  • Entidade: uma das partes que constituem uma construção. Pode incluir edifícios, pontes ou túneis dentro de um sistema mais complexo.
  • Atividades: as atividades a serem realizadas em um complexo ou em uma entidade. Um prédio escolar, por exemplo, pode acolher atividades motoras, administrativas, recreativas, de treinamento. A tabela também inclui investigações, funcionamento, manutenção e serviços.
  • Espaços: podem acolher uma ou mais atividades, dentro de um edifício ou relacionadas a obras não pontuais, como sistemas rodoviários, redes ferroviárias, e assim por diante.
  • Elementos: os componentes principais de uma estrutura. Por exemplo, em uma habitação, se fala de elementos em relação a piso, pilares, paredes, etc.
  • Sistemas: um conjunto de componentes associados para realizar um elemento ou executar uma função. Por exemplo, o sistema de cobertura consiste em telhas, isolamento, barreira contravapor, vigas, etc.
A imagem mostra a organizacao das pranchas no sistema de classificacao UniClass 2015

Organizacão das pranchas no sistema de classificacão UniClass 2015

Além das pranchas, o sistema UniClass 2015 está baseado em tabelas. Cada uma se refere a um aspecto de informação específico e pode ser utilizada de forma individual ou combinada com outras tabelas para abordar conceitos mais complexos.

Confira os títulos e os conteúdos principais dessas tabelas:

CÓDIGO              TÍTULOCONTEÚDO
AForm of informationOs documentos são classificados de acordo com o tipo de conteúdo (catálogos, tabelas de preços, etc.) e com formato (revistas, vídeos, etc.).
BSubject DisciplinesDisciplinas relacionadas ao mundo da construção
CManagementConceitos relacionados à tomada de decisão
DFacilitiesObras de engenharia civil
EConstruction EntitiesConceitos relacionados a edifícios, calçadas, pontes e viadutos
FSpacesConceitos relacionados aos espaços de edifícios, independentemente de serem internos ou externos
GElements for buildingsConceitos relacionados a elementos existentes pertencentes ao mundo da construção
HElement for civil engineering worksConceitos relacionados a elementos existentes pertencentes ao mundo da engenharia civil
JWork Section for buildingsClassificação complementar à das obras de construção focada nas “work section” (seções de obras)
KWork section for civil engineering worksClassificação complementar à das obras de engenharia civil focada nas “work section” (seções de obras)
LConstruction productsProdutos da construção
MConstruction aidsEquipamento de canteiro de obras
NProperties and characteristicsPropriedades das entidades sujeitas a classificação
PMaterialsMateriais
QUniversal decimal classificationConceitos complexos, que podem ser definidos pela combinação de diferentes códigos específicos das classes.

Entre 2013 e 2015, as tabelas de classificação UniClass 2015 foram reduzidas de 15 para 11.

Tabela 1CoComplex (complexos)Projeto como um todo (vila, campus universitário, etc.)
Tabela 2EnEntities (entidades)Edifícios de acordo com a função
Tabela 3AcActivities (atividades)Atividades desenvolvidas dentro dos espaços
Tabela 4SLSpace/Locations (espaços)Espaços (os locais que constituem o edifício)
Tabela 5EFElements/Function (Elementos/Funções)Componentes principais de um edifício (paredes, fundações, telhados, etc.)
Tabela 6SsSystems (sistemas)Conjunto de componentes de um elemento (os painéis e as colunas de uma parede de gesso cartonado, os elementos de marcenaria e carpintaria que compõem uma porta, etc.)
Tabela 7PrProducts (produtos de construção)
Tabela 8TETools and Equipment (equipamento)
Tabella 9ZzCADConceitos relacionados à ciência da computação aplicada à construção
Tabela 10FIForm of Information (forma de informação)
Tabela 11PMProject Management (gerenciamento de projeto)

Cada elemento é identificado por:

  • 1 par de letras alfabéticas referente à Tabela;
  • 4 pares de números referentes a grupos, subgrupos, seções e objetos.

No parágrafo seguinte vamos ver como classificar qualquer entidade (por exemplo, um telhado, uma parede etc.) de um modelo IFC.

Tente você mesmo classificar os elementos de qualquer modelo 3D (IFC, DWG, SKP, etc.), utilizando gratuitamente um editor IFC avançado online.

Como classificar as entidades do IFC com um editor online

O padrão IFC também usa os sistemas de classificação para catalogar as entidades de um projeto e implementar o sistema de informações associado às mesmas.

Como fazer para adicionar novas classificações na linguagem IFC?

Aqui está um exemplo prático para classificar uma entidade de projeto com usBIM.editor, de acordo com o sistema UniClass 2015.

  • Fazer o login no usBIM.
  • Abrir o arquivo IFC.
  • Selecionar usBIM.editor a partir do menu suspenso no canto superior esquerdo.
  • Clicar em Editar classificações.
  • Selecionar uma entidade do modelo.
  • Adicionar uma nova classificação.
  • Preencher os campos editáveis.
  • Associar um sistema de classificação padrão.
  • Escolher o tipo de classificação.
  • Escolher as subcategorias a serem associadas à entidade selecionada.
  • Exibir a alteração na caixa de ferramentas de propriedades.

Se quiser saber se a classificação foi associada ao elemento, você pode usar um simples visualizador BIM online e gratuito que permite visualizar qualquer elemento e verificar todas as propriedades.

Com o usBIM, é possível:

  • abrir o arquivo IFC;
  • selecionar uma entidade (porta, parede, laje, etc.);
  • consultar as informações referentes à classificação na seção das propriedades colocada à direita. A partir daqui, será possível consultar:
    • IfcClassificationReference, ou seja, o código correspondente ao tipo de informação;
    • IfcClassification, ou seja,o tipo de classificação adotada (neste caso, UniClass 2015).

Lembre-se de que, com o usBIM.editor, você tem a possibilidade de classificar todos os elementos do seu modelo de acordo com os principais sistemas de classificação, como:

  • MasterFormat;
  • NatSpec;
  • NBS Create;
  • OmniClass;
  • SCFclass;
  • UniClass (versão 2);
  • UniClass 2015;
  • UniFormat.

Vídeo

O vídeo ilustra o procedimento para atribuir a classificação UniClass 2015 às entidades no modelo IFC por meio de um editor IFC avançado online.

 

usbim-editor
usbim-editor