Home » CDE e plataformas colaborativas » Dados da construção: a importância dos dados no setor AECO

Dados da construção

Dados da construção: a importância dos dados no setor AECO

Os dados da construção fornecem uma visão completa dos projetos AECO. Descubra como melhorar a eficiência dos seus processos de construção com os dados de construção


Na era digital em que vivemos, o uso de dados tornou-se um elemento fundamental para o progresso em muitos setores. A indústria da construção não é exceção.

Neste artigo, exploraremos o conceito de dados da construção e entenderemos por que cada vez mais profissionais e empresas do setor da construção confiam em dados para gerenciar os projetos de construção e tomar decisões estratégicas.

O que são os dados da construção?

Os dados de construção, frequentemente referidos como dados da construção, são informações digitais coletadas e organizadas durante o ciclo de vida de um projeto de construção. Esses dados incluem detalhes e informações específicas sobre várias componentes do projeto, como geometrias, materiais, prazos e custos de construção, desempenho estrutural e muito mais.

Ao utilizar eficazmente esses dados, é possível tomar decisões informadas, monitorar o progresso do projeto, melhorar a comunicação e a colaboração entre as partes interessadas e otimizar a eficiência global do setor da construção.

A introdução do Building Information Modeling (BIM) desempenhou um papel crucial no enriquecimento dos dados da construção. Esse processo é baseado no uso de softwares BIM avançados que permitem a criação de modelos digitais tridimensionais, possibilitando a integração e visualização dos dados de construção em um ambiente colaborativo único. Isso permite que as partes envolvidas (incluindo clientes, designers e construtores) trabalhem juntas e compartilhem informações em tempo real.

Por meio do BIM, os dados de construção tornaram-se, portanto, mais estruturados, acessíveis e facilmente atualizáveis, tornando-se um recurso de importância fundamental para otimizar o projeto, a construção e a gestão de edifícios.

<yoastmark class= Dados da construção

O que eles incluem?

Os dados da construção incluem um conjunto diversificado de informações relacionadas ao projeto de construção em todas as suas fases, desde o planejamento até a construção, passando pelas fases de gestão e manutenção.

Segue abaixo alguns exemplos que detalham mais precisamente o que podem conter:

  1. Geometrias e modelos: os dados podem incluir modelos tridimensionais que representam o aspecto físico do edifício, incluindo formas, dimensões e relações espaciais entre diferentes componentes.
  2. Desenhos e elaborações: incluem detalhes construtivos e os desenhos técnicos que mostram a disposição dos espaços internos, paredes, sistemas de instalações, componentes estruturais e outras características do edifício.
  3. Especificações técnicas: podem conter informações detalhadas sobre as especificações dos materiais utilizados, incluindo códigos de produto, propriedades físicas e químicas, técnicas de instalação, e assim por diante.
  4. Informações sobre materiais: são dados que dizem respeito aos materiais utilizados na construção, incluindo custos, quantidades, características técnicas, fornecedores e informações sobre a origem.
  5. Custos e orçamento: incluem informações sobre o orçamento do projeto, como custos estimados e reais das diferentes fases da construção, custos de materiais, equipamentos, mão de obra e muito mais.
  6. Cronologia e prazos de construção: esses dados rastreiam os diferentes marcos e cronogramas previstos e reais para cada fase do projeto, com o objetivo de permitir um monitoramento e gestão eficaz dos prazos de entrega.
  7. Segurança no canteiro de obras: contêm informações e documentos relacionados às medidas de segurança adotadas no local, como planos de segurança, procedimentos de emergência, dados de treinamento do pessoal e outras informações relacionadas à gestão da segurança durante a fase de construção.
  8. Testes e controles de qualidade: podem incluir relatórios, registros e documentos relacionados a controles de qualidade, testes de materiais, verificações estruturais e outras atividades de controle necessárias para garantir a conformidade do projeto com os padrões e regulamentos vigentes.
  9. Análise de desempenho: incluem informações sobre o desempenho do edifício, como eficiência energética, conforto térmico, acústica e outros parâmetros que influenciam a qualidade e a sustentabilidade da obra.
  10. Informações sobre o pessoal: esses dados dizem respeito às informações sobre o pessoal envolvido no projeto, como arquitetos, engenheiros, empreiteiros, fornecedores e outros profissionais, e têm o objetivo de descrever os papéis, habilidades e relações entre esses sujeitos.
  11. Gestão e manutenção: podem ser usados para gerenciar a manutenção de longo prazo do edifício e podem incluir planos de manutenção preventiva, instruções operacionais, dados sobre intervenções de reparo, etc.

Tipos de <yoastmark class= Dados da construção

Como aproveitar os dados da construção para tomar decisões mais informadas

A simples coleta dos dados recém-descritos não é suficiente para garantir uma melhoria efetiva nos processos de construção. Para aproveitar todo o potencial informativo contido nesses dados, é necessário adotar uma abordagem metodológica que permita extrair informações estratégicas dos dados arquivados durante todas as fases de um projeto de construção.
A análise dos dados de construção não apenas permite uma compreensão aprofundada, mas também fornece a base para tomar decisões mais informadas que impactam positivamente a eficiência, a segurança e a qualidade geral do projeto.

A análise de Business Intelligence, especialmente quando integrada ao CDE (Common Data Environment, o espaço de compartilhamento de dados usado na construção e no BIM), revoluciona a gestão de projetos.

É possível criar painéis dinâmicos e ferramentas analíticas avançadas para tomar decisões informadas e baseadas em dados. Criar relatórios dinâmicos e gráficos interativos que aproveitam todas as informações do CDE, obtendo uma visão clara e imediata para decisões rápidas e eficazes com um software de Business Intelligence BIM com toda a vantagem da gestão de dados na nuvem e acesso às análises de qualquer dispositivo, a qualquer momento.

A integração da análise de dados com tecnologias de ponta, como inteligência artificial e aprendizado automático, permite identificar padrões e tendências e otimizar operações em tempo real. Isso se traduz em uma redução de riscos, uma gestão mais eficiente de recursos e uma maior adaptabilidade aos desafios que podem surgir durante a execução do projeto.

A análise de dados também é usada para identificar áreas de ineficiência e permitir a implementação de estratégias corretivas. Identificar tempos de inatividade de equipamentos ou procedimentos operacionais não ótimos permite fazer alterações direcionadas para melhorar a eficiência e reduzir os custos. Além disso, ajuda a avaliar o desempenho de fornecedores e subcontratados e garantir uma seleção mais precisa de parceiros confiáveis e de qualidade.

Uma vantagem adicional está na capacidade de prever tendências futuras. Através da análise de dados históricos e aplicação de modelos de previsão, as empresas de construção podem identificar possíveis variações nos custos, nos prazos de construção e nos requisitos de projetos futuros. Essas previsões permitem que profissionais e empresas do setor de construção tomem decisões mais informadas, adaptem-se às dinâmicas de mercado e gerenciem melhor os riscos.

Gestão dos dados de construção com usBIM

Gestão com usBIM

Para garantir a máxima simplicidade e eficiência na coleta, análise e uso dos dados da construção, recomendo usar a plataforma de gestão de dados BIM. Comece imediatamente a organizar todos os seus dados de construção em uma única plataforma centralizada, acessível de qualquer lugar e dispositivo, e a integrar todos os dados nos modelos BIM, mesmo os de grande escala!

 

usbim
usbim