Aprenda a redigir um checklist de manutenção predial

Um checklist de manutenção predial enumera as operações de manutenção a serem realizadas no edifício. Aprenda a elaborá-lo


A manutenção dos edifícios e das partes que o compõem é uma das fases mais longas e complicadas de todo o ciclo de vida do ativo. Para garantir que o edifício continue a funcionar com o mesmo potencial com que foi concebido, é necessário que a as operações de manutenção são constantes e precisas.

Para isso, a equipe envolvida nesta fase deve necessariamente utilizar um software de gerenciamento de ativos para planejar, rastrear e monitorar atividades de manutenção ordinárias e extraordinárias e inúmeras outras ferramentas, incluindo o checklist de manutenção predial.

Você sabe como montar um bom checklist de manutenção predial, e por que não pode negligenciá-lo? Vamos descobrir juntos neste artigo!

O que é um checklist de manutenção predial?

Um checklist de manutenção predial é uma lista de todas as operações de manutenção a ser realizado no edifício e suas partes, uma espécie de calendário de manutenção, que ajuda o gerente da instalação e os supervisores de manutenção a verificar se todas as operações de manutenção estão feito corretamente e no prazo, sem descuidar de nada.

Em outro artigo, já falamos sobre a importância de um bom Facility Management e como essa disciplina é fundamental para garantir o funcionamento de um ativo ao longo de todo o seu ciclo de vida.

O checklist de manutenção predial intervém justamente para apoiar os atores envolvidos na gestão de instalações prediais, propondo-se como uma ferramenta válida para o acompanhamento do planejamento e execução das operações de manutenção.

A imagem mostra uma lupa e um checklist de manutenção predial.

Como criar um bom checklist de manutenção predial?

Para criar um bom checklist de manutenção predial é importante seguir 4 passos:

  1. Inspecionar os elementos
    As inspeções e controles podem ocorrer diariamente, semanalmente, mensalmente, trimestralmente ou anualmente. No entanto, o objetivo será garantir que todas as partes do edifício funcionem com a máxima eficiência e duração.
  2. Detectar avarias
    A realização de verificações de rotina permite detectar avarias e falhas que ainda não ocorreram e, assim, evitar a ocorrência de problemas muito mais graves e soluções mais dispendiosas em termos de tempo e custos.
  3. Corrigir avarias
    É importante corrigir os defeitos para sanar o problema detectado antes que ele aumente de tamanho e interfira em outra coisa.
  4. Prevenir problemas
    A prevenção, garantida por um bom planejamento de inspeções e controles, é de fundamental importância para permitir o correto funcionamento de toda a obra e seus sistemas ao longo do ciclo de vida.

Como criar um checklist de manutenção predial?

Para garantir uma manutenção adequada do ativo e sua operação apropriada para todo o ciclo de vida, garantindo segurança e bem-estar aos usuários da edificação, é necessário que o checklist de manutenção predial leve em consideração os seguintes pontos para a realização de uma boa verificação:

Segurança

  • Verifique se os sinais de segurança, como saídas de emergência e sinais de estacionamento, estão em boas condições e são facilmente visíveis.
  • Certifique-se de que os detectores de fumaça e monóxido de carbono estejam funcionando corretamente e as baterias sejam recarregadas/substituídas regularmente.
  • Verifique se os equipamentos e sistemas de proteção contra incêndio são mantidos periodicamente.
  • Certifique-se de que os kits de primeiros socorros estejam abastecidos e que estejam completos com tudo o que você precisa.

Iluminação

  • Verifique o correto funcionamento de toda a iluminação interna e externa, incluindo as áreas comuns e de estacionamento.
  • Limpe as lâmpadas de poeira e detritos e verifique se elas iluminam as áreas pretendidas.
  • Avalie incentivos e créditos oferecidos para aumentar a eficiência energética e a sustentabilidade do sistema.
  • Verifique se tudo relacionado à sinalização externa – hardware, fiação, sinalização no nível do solo, postes de luz, etc. – estão intactos e funcionando.

AVAC

  • Verifique os sistemas de aquecimento, ventilação e ar condicionado (devem ser inspecionados duas vezes por ano antes do início do verão e do inverno).
  • Teste o funcionamento das unidades interior e exterior, incluindo todas as verificações de segurança.
  • Limpe ou substitua os filtros de ar conforme necessário, dependendo do nível de uso, geralmente mensal ou trimestralmente.
  • Verifique os níveis do líquido de arrefecimento e do óleo.
  • Verifique a bandeja de drenagem de condensado.
  • Verifique a tubulação e o isolamento, inspecione as linhas de ar comprimido e verifique se há vazamentos ao redor dos tubos e conexões.
  • Limpe a entrada de ar e o duto quando necessário, verificando os conectores flexíveis do duto.
  • Inspecione os exaustores, capacitores elétricos e todas as conexões elétricas e de hardware.

Sistema hidráulico

  • Inspecione os sistemas de encanamento regularmente, por exemplo, antes de períodos de uso intenso no verão ou manutenção preventiva antes do início do inverno.
  • Inspecione os tubos de água internos e externos quanto a vazamentos que possam causar danos estruturais ao edifício, bem como águas residuais.
  • Testes de aquecedores de água e caldeiras em propriedades residenciais e comerciais.
  • Lubrifique os rolamentos das bombas de circulação e verifique o sistema realizando testes de controle.

Interiores

  • Verifique a condição dos acabamentos internos, incluindo pintura, piso e luminárias.
  • Examine as linhas de encanamento em busca de vazamentos que possam levar ao crescimento de mofo ou outros tipos de danos.
  • Verifique se os vasos sanitários, pias, chuveiros e banheiras estão em boas condições e funcionando corretamente.
  • Teste os sistemas internos de alarme de incêndio e detector de fumaça, substituindo as baterias, se necessário.
  • Inspecione as tomadas elétricas e os interruptores de luz.
  • Verifique o temporizador e as fotocélulas.
  • Verifique as travas das portas e as travas das janelas quanto à operação adequada e certifique-se de que as saídas não estejam parcialmente bloqueadas ou obstruídas.

Exteriores

  • Inspecione toda a parte externa da propriedade, procurando por quaisquer riscos de segurança.
  • Verifique a condição da pintura e das paredes, localize janelas ou portas quebradas e examine a condição dos corrimãos e cercas das escadas.
  • Remova ervas daninhas e detritos ao redor do prédio, bem como quaisquer galhos de árvores que pareçam prestes a cair.
  • Examine a condição das calçadas, vias de acesso e estacionamento.
  • Inspecione o telhado, limpe as calhas e verifique se estão bem ancoradas, teste o bom funcionamento das calhas.
Modelo de checklist de manutenção predial

Modelo de checklist de manutenção predial

Quais são os benefícios de um checklist de manutenção predial?

Sabemos bem que a manutenção adequada, ordinária e extraordinária, é essencial para que o ativo funcione ao longo de seu ciclo de vida com o mesmo desempenho com que foi projetado e construído.

A resposta às perguntas “quando inspecionar?” e “o que inspecionar?” muitas vezes é muito longo e, portanto, requer planejamento. Para isso um bom checklist de manutenção predial é uma ferramenta muito útil, eu diria indispensável, para a gestão e manutenção correta e eficiente de um ativo.

As vantagens que podem ser obtidas com a elaboração de um plano de manutenção e um checklist de manutenção oportuno e cuidadoso são muitas, mas vamos ver algumas delas juntas:

  • ajuda a reduzir os reparos e o tempo de inatividade do equipamento;
  • otimiza o trabalho do pessoal de gestão e manutenção e torna-o mais ordenado e produtivo graças à redução de intervenções urgentes;
  • mantém baixas as despesas com horas extras;
  • aumenta a segurança no interior do edifício;
  • prolonga a vida útil das instalações e equipamentos.

Neste ponto esperamos que você não tenha dúvidas sobre os muitos benefícios que um checklist de manutenção predial traz para as atividades de manutenção a serem realizadas em uma edificação.

Para que um edifício seja sempre seguro e totalmente funcional é necessário utilizar as ferramentas certas, capazes de planejar, rastrear e monitorar atividades de manutenção extraordinárias e ordinárias. Para isso, recomendamos que você confie em um software de gerenciamento de instalações profissional capacitado para apoiá-lo na gestão de qualquer processo de manutenção predial.

 

usbim
usbim